Os juízes levaram o Brasil ao paradoxo fascista

Na Folha, Bruno Bohossian diz que  a “ansiedade contamina promotores e juízes sob holofote da eleição” e diz que eles “apressam o passo contra Bolsonaro, Haddad e Alckmin”.

Embora ele próprio duvide que seja mera afoiteza – “É difícil acreditar que promotores e juízes não mantivessem um calendário em seus gabinetes com um grande X no dia 7 de outubro” –  a sua análise está, infelizmente, errada.

Primeiro, porque deixa te tocar no ponto maior da judicialização do processo político-eleitoral: a exclusão de Lula, pedra de toque de todo o impasse que vivemos. O que o comprova? Simples: ponha-se Lula no processo eleitoral e a eleição estará resolvida, como comprovam todas as pesquisas do período pré-censura.

Segundo, e mais importante, é que já não se pode ver o embrulho em que meteram o país como uma ação impensada de uma dúzia de promotores, juízes e até ministros das cortes superiores, como se fossem “bolsominions” togados, fundamentalistas megalômanos.

Não, o que temos é o resultado de uma ação corporativa, à qual toda a resistência que poderia existir em seu próprio meio foi aniquilada pela mídia, que acovardou e fez se recolher todo aquele que, dentro do Judiciário, pensou em opor resistência ao avanço fascista.

Avanço fascista, sim, porque é desprezível o fato de pingar, aqui e ali, algum caso contra Jair Bolsonaro e todos ele reforçando o que há de pior em seu perfil: o racismo, a misoginia e a apologia da violência (seria de rir, não fosse trágico, a Sra. Rachel Dodge perguntar “o que ele quer dizer” quando gesticula uma pseudo-metralhadora para dizer que vai “fuzilar os petralhas”).

O Ministério Público, o Judiciário, os ministros do TSE, do STJ e do STF já há muito ultrapassaram, em relação à implantação de um regime fascista no Brasil da figura do dolo eventual – quando se assume o risco de provocar a lesão à democracia

Havia a advertência italiana, onde a “Mãos Limpas” levou as mãos porcas de Sílvio Berlusconi ao poder.

Aqui a coisa foi além, e hoje já pouco se pode duvidar de que seja o caso de dolo direto e produzir a instalação de um energúmeno no Palácio do Planalto, como forma de ampliar e legitimar seu próprio poder.

Nos jornais do mundo, hoje, há o escândalo da misteriosa carta  escrita por um homem do primeiro escalão do Governo Trump ao The New York Times – que não a publicaria sem saber sua identidade – dizendo que há um grupo palaciano agindo para mitigar a insensatez e os arroubos de Donald Trump “por dentro”.

Nela, há um trecho que deveria fazer esta gente pensar, se ainda pudesse pensar em lugar de apenas ambicionar.

Diz o autor da carta:

A maior preocupação não é o que o Sr. Trump fez à presidência, mas sim o que nós, como nação, permitimos que ele fizesse a nós. Nós afundamos com ele e permitimos que nosso discurso fosse despojado de civilidade.

Pois os senhores juízes e promotores, os senhores e senhoras da PGR, do TSE, do STJ e do STF estão – e nem mais se pode negar que seja conscientemente – despojando a vida brasileira da civilidade.

Há um monstro à porta e só o que sabem fazer é manietar e amordaçar o único que pode detê-lo.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

30 respostas

  1. O grande problema do ex-poder judiciário independente e respeitado que um dia houve no Brasil, é pensar (e eles acham que pensam) que a ameaça do NAZI-FASCISMO não os pegará, no futuro, caso tenhamos, infelizmente, que aguentar um des-governo do Boçal Nato. Da mesma forma que Temer agora tripudia sobre Alckmin, Boçal Nato irá tripudiar sobre o “ex-poder judiciário”. Todo LOUCO, e temos exemplos vários na História, faz o que quer, quando quer e do jeito que quer, até ser derrubado. É esse o nosso triste futuro?

    1. Se o maluco apontar tanques de guerra para o “Çupremo”, vou ficar em casa, não vou correr para salvá-los.

  2. ‘Há um monstro na porta, e tudo que nossas autoridades (com o apoio da elite e de parte da classe média) fazem, é prender, calar e torturar o único que pode detê-lo’.Da minha parte, apenas perguntas – quanto pior, melhor? o Brasil, com essa elite e classe média, não merece esse monstro? acabaremos em uma revolução de verdade, desorganizada e violenta, que cortará cabeças da nobreza e fuzilará autoridades? Quanto pior…

    1. Creio mais em um caos que uma revolução.

      E isso tem tudo a ver com a guerra híbrida de que o Brasil é vítima – e essa tal guerra não foi concebida apenas aqui dentro. Daqui a pouco Moro – o Joaquim Silvério do séc. XXI – estará sossegado cursando em alguma instituição nos EUA.

      1. Já estou quase concluindo que o fascismo é inevitável para o Brasil, país cujas riquezas naturais e patrimônio construído pelo povo são ambicionados pela selvageria do capitalismo mundial. Sem uma população minimamente educada, sem consciência política ou social e com uma classe média fascista em sua essência porque
        é autoritária, gananciosa, ignorante e arrogante, mais cedo ou mais tarde teremos que passar por um governo estúpido como o do energúmeno. Não há forças populares capazes de enfrentar o caos social que se avizinha.

        1. O problema maior é que em toda parte o fascismo é extremamente nacionalista. Na Itália, na Alemanha, na Espanha e no Japão foi assim. Aqui, os fascistas são entreguistas, torcem o nariz para o povo brasileiro e adoram os Estados Unidos acima de tudo. São capazes de denunciar a si mesmos se souberem que assim ajudam a CIA.

        2. Acrescento que também temos uma mídia alienante e diversionista, mais “preocupada” em informar do implante de silicone da última namorada do Neymar.

          Os grandes debates nacionais não existem para o “Ministério da Verdade” do livro 1984, que atendem pela alcunha de Globo, SBT, Band, etc.

  3. O cara que mandou a carta sobre o trump, na verdade, alertou o trump de que há conspiradores agindo dentro do estado contra ele. Como trump não é Dilma e, supõe-se, seu secretário da justiça não seja um banana como era o ministro da justiça de Dilma, cabeças rolarão na casa branca. Eles não gostam do trump porque o trump não usa máscaras e revelou ao mundo a verdadeira face dos EUA.

    1. Por falar em veneno na madrugada, será verdade o que estão dizendo, que mandaram uma foto do Teori para o Fachin?

      1. Provavelmente tirada diretamente do inferno, onde ele arde nos lugares mais quentes, reservados as pessoas que se omitem e tramam contra a dignidade do outro.

    2. Os conspiradores do Deep State tramam um Golpe contra Trump porque ele é o primeiro presidente em anos que cresceu fora do establishment.

  4. O “çupremo” ligou o foda-se há muito tempo e seguirá adiante em sua sanha ditatorial em conluio com a mídia golpista.

  5. Fernando, sei que isto não corresponde ao post, mas olhe? Veja a pesquisa do Ibope por escolaridade e renda.
    Depois da divulgação malandra de que Haddad não decolava, veio, num dia depois, mais outra divulgação da pesquisa.
    Vejam, existe uma desproporcionalidade muito grande no voto do Haddad. Ele dobra nos eleitores de alta renda e com curso superior.
    Todo mundo sabe que o eleitorado petista, e lulista, inclui altas camadas de setores populares.
    Pela minha leitura, aconteceu o óbvio, a transferência já está se produzindo, primeiro naqueles setores de cultura letrada mais desenvolvida e, aos pouco, vai acontecer o efeito derrame no restante da sociedade.
    Por se isto fora pouco, embora não tenha o gráfico, a intencionalidade de transferência aumentou 9% numa semana.
    Acredito que em quinze dias o Haddad já tenha empatado com o Bolsonaro… E final feliz.

    1. Perfeito, sempre cito essa fala do ex-Cabo (A. Hitler) à revista Time-Life 1938 (escolhido o homem do ano),como o emblemático caracterizar do nosso momento histórico !!

  6. Desculpe discordar, Fernando. Há uma grande diferença entre um presidente que foi execrado pela mídia americana como candidato (não se esqueça que todos os órgãos de comunicação americanos, com exceção da Fox, apoiaram Hilary) e continua sendo como presidente, e os queridinhos da mídia brasileira. Hilary representava lá o que Aécio, Alckmin representam aqui. Sem falar que o processo de lá não admite alternativa fora do jogo de cartas marcadas republicanosXdemocratas. Não se esqueça também que foi Obama que inaugurou os bombardeamentos via “drones” e a espionagem sobre os países aliados (vide Edward Snowden).

  7. QUEM ou O QUÊ está por trás desse MEDO/LOUCURA, que se instalou no “puder” judiciário ( SEM VOTO ) para que eles arrombassem dessa maneira a Constituição, atropelando tudo atabalhoadamente….se expondo a ridículos, matando as suas biografias como se não houvesse amanhã ????

  8. Fora as atrocidades dos milicos, o que está acontecendo é dez vezes pior do que a era dos Gorilas. E ainda estamos no LONGO caminho ao fundo do poço. O que vai sobrar deste país (?) para minhas netas?

  9. Comecei a ler o livro/reportagem Eichmann em Jerusalém, da Hanna Arendt. Logo no início, ela tece considerações sobre os 3 juízes que conduzirão o processo: é de dar inveja e só faz aumentar o tamanho de nossa vergonha pelo que temos aqui. Escravos de suas vaidades e de interesses diversos, correm o risco de entregar, sem o menor pudor, o país a um nazi-fascista. A vida, para eles, continuará a mesma, como se pode ver pela mansão do Bretas.

  10. O “supremo” ‘sFACHINhador’ do STFede da infame &$ sórdida ‘panela de Curitiba’ do canalha títere da GloboCIA LIXO ‘mor(T)o’ está bebendo lama a céu aberto!
    “Bom apetite”, nazigolpista desavergonhado de toga imunda!
    Somente não emporcalhe o seu bigodinho à la Hitler!

    ***
    … *Ontem, o matuto velho profetizou:
    [*Messias Franca de Macedo • 17 horas atrás – FONTE: http://www.tijolaco.com.br/blog/o-paciente-esta-precluso/ ]

    “O supremo” ‘sFACHINhador’ do STFede, como o próprio nome diz [‘sFACHINhador’ (!)], é mais abjeto traíra da infame ‘panela de Curitiba’ do canalha &$ títere da GloboCIA LIXO ‘mor(T)o’!
    Portanto, para posar bem na fotografia da ONU – e com medo da cadeia internacional -, estes(as) infames e sórdidos nazigolpistas de togas poderão até permitir a candidatura do presidente Lula, para, em dado momento breve, cassá-la definitivamente!
    Quiçá, após a vitória em primeiro turno!
    Desse modo, teríamos uma eleição que nunca teria fim!
    E o sapiente presidente Lula sabe muito bem desta verdade!
    O honrado e eterno presidente Lula irá indicar, sim, na segunda-feira próxima, o candidato Fernando LULA Haddad!
    Arregacemos as mangas, pois!
    À luta, companheirada!
    Lula Livre!
    Ministro de estado!
    Ao lado do grande líder José Dirceu!
    O [verdadeiro] honesto povo trabalhador brasileiro de volta ao poder!

    Hasta la Victoria Siempre!

  11. Continuo achando um exagero ou um elogio chamar essa gente e os que conferem a eles um poder que o povo não lhes conferiu de fascista.

    Penso que eles estão aquém do século XX, por isso prefiro chama-los de FALSISTAS BRASILEIROS.

    Os dois exemplos clássicos de fascismo tiveram pelo menos passar pelo processo eleitoral e a concorrência democrática para depois a eliminar. O outro exemplar chegou ao poder por meio de uma guerra civil.

    Mesmo fanfarrões como Berlusconi e principalmente Trump tiveram que passar pelo processo democrático. O primeiro venceu eleições e se aproveitou de um vazio político. O segundo disputou prévias em seu partido e em eleições contra o partido adversário. Dois partidos que tem no mínimo 200 anos e em um país que tem eleições sem nenhuma interrupção ou golpe de estado nesses mesmos anos.

    Definitivamente somos outro caso e pior.

  12. De quantas formas diferentes eu vou ter que falar a mesma coisa???
    O judiciário, assim como o legislativo, executivo e mídia, está corrompido.
    O PT e Lula são BODES EXPIATÓRIOS.
    Não ganham um recurso se quer. Vai perder todos que por ventura vierem.

    1. Fernando LULA Haddad TRIpresidente! E PenTa! E em primeiro turno!
      Viva o [verdadeiro] honesto, leal, generoso e sapiente povo trabalhador brasileiro!
      (…)

      Em primeiro de janeiro de 2019, após a posse histórica e memorável, instalação imediata da Comissão da Verdade: julgar e colocar na cadeia todos(as) os(as) nazigolpistas – togados(as) e não togados(as)!
      O que não significa pregar vingança!
      A Comissão da Verdade enquanto instrumento pedagogicamente legítimo.
      Do contrário, estes(as) canalhas não permitirão que o próximo governo governe!
      Do contrário, um novo golpe vagabundíssimo será algo iminente!

      … Enquanto isto os(as) bandidos(as) continuam a beber lama a céu aberto:
      das togas, do ‘miniSTÉRIO’ PRIVADA, do *PiMG, do DEMoTucanato…
      *PiMG: Partido da imprensa Mafiosa &$ (nazi)Golpista, GloboCIA LIXO Organizações MafioCriminosas à frente da destruição covarde e sórdida do Brasil!

  13. Imagino os cursos de Direito ensinando as matérias aos discentes… Devem estar ficando loucos! Vão ter que criar uma nova disciplina: Direito de Exceção Lula. A única forma de explicar aos alunos o que acontece no país.

  14. Sr.Brito.Posto aqui,comentário à matéria referente ao que disse o Senador Roberto Requião,ao 247,e como lá,não ha mais espaços para comentário,faço-o aqui,pois o que afirma o Senador Requião,referente ao JUDICIÁRIO,me faz lembrar da minha juventude,quando assistia os filmes de bang-bang,onde os MALFEITORES usavam máscaras para cobrir os rostos,e constato que aqui no Brasil,o MALFEITOR,passou a usar TOGAS.Sem dúvidas,um BELO E EFICAZ DISFARCE.E gozam,do INSTITUTO DA IMPUNIBILIDADE.

  15. Sr.Brito.” PODER” sem OUTORGA,redunda nisso.OS JUDICIÁRIOS DE TODO O MUNDO DITO DEMOCRÁTICO,não exige OUTORGA,voto do povão,para eleger seus membros e isso os leva,aos membros desse “PODER”,a fazerem o que bem entendem,embasados no poder da “CASTA”,em que se transformam os JUDICIÁRIOS EM GERAL.E no Brasil,não seria diferente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *