Sobrou para o porteiro

Então tem-se que o Procurador Geral da República diz que todo o caso da”Casa 58″ já era do conhecimento da PGR, que em nada o sr. Jair Bolsonaro está envolvido e que, atendendo ao pedido de Sergio Moro e quem vai ser investigado agora é o porteiro do “Condomínio das Milícias” de onde saiu o “bonde” para matar Marielle.

O pobre funcionário, a esta hora, já esta na antessala de uma desgraça.

O mínimo que lhe vai acontecer perder o emprego. Não tem a menor condição de resistir às pressões por ter dito aquilo que, a ele, não traz nenhuma vantagem.

O espetáculo é dantesco. Alega-se sigilo para não dar informações sobre o que já deixou de ser sigilo para meio mundo.

Diante dos olhos de todos, o filho do presidente acessa livremente um conjunto de registros de chamadas de portaria e seus áudios, que deveriam estar arrecadados para averiguação do que foi dito, ainda mais que são de tão fácil acesso que bastou Carluxo ir na administração do condomínio, manipular e abrir.

E o pior é que degradou-se de tal forma a imagem da polícia, do Ministério Público e da Justiça que, a esta hora, duvido que alguém seja capaz de dizer onde e com quem o caso terá uma apuração isenta.

 

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

18 respostas

  1. Existe mais moralidade num prostíbulo na beira da estrada ,que nesta corja de delinquentes que assaltou a Democracia.

  2. Muito bem seu Aras , está justificando porque foi nomeado, porém o MP na existe para inocentar sem investigar , vamos investigar direitinho está história ? . E não começa com o porteiro o caminho está errado . É facíl naquele sistema deletar uma informação do relatório de chamadas .

  3. Isenção. Eta palavrinha difícil.
    Acredito que foi banida do vocabulário e da justiça brasileira há um certo tempo.

  4. Falso messias reclama que querem prender um filho dele.
    Carluxo voa para tentar provar a inocência (dele mesmo? do pai?) e acaba mostrando que: 1- a administração do condomínio, por algum motivo, lhe deu acesso TOTAL aos arquivos; 2- poderia facilmente manipular os dados lá presentes.

    A pergunta, de fato, é: até onde vai o alcance dessas milícias cariocas?

  5. Bozo tem todas as instituições na manga. O PGR e o passa-pano Moro da Familícia cumprem seu papel . General Villas-Bôas dorme tranquilo hoje, a República está salva !

  6. O porteiro errou duas vezes? Quando pediu permissão e quando informou que o cidadão estava indo em direção errada? Tem alguma coisa estranha aí……

  7. O próprio Carlos Bolsonaro exibiu uma planilha que mostra uma ligação da portaria para a casa do Bolso. E nunca se viu tanta eficiência de uma perícia que nem foi oficializada, e que cravou tão rápido como raio que a voz que recebeu a ligação era do tal Lessa, e não do Jair. Enquanto isso, o Moro age também ultra-rápido pedindo ao procurador o stop de uma investigação policial que mal começou. Ele sabe que se Bolso cair ele será arrastado pelo vácuo para o buracão. Apesar do Procurador Geral se apressar em dizer que o caso está arquivado, esta história está muito mal costurada, e agora a bola vai para o jornalismo investigativo da Globo que, quando quer, deixa de ser hiena e passa a ser leão.

    1. Só não concordo com jornalismo investigativo. O que se faz naquela casa segundo Caco Barcelos é jornalismo declaratório que na minha opinião é abastecido com vazamento. De resto digo que nossa esquerda perde sempre por falta de combatividade. Já a nossa direita quanta burrice. O paisinho que não quer ser Nação jamais.

  8. A “solução”, pela lógica dos mafiosos e milicianos será a de “apagar” o porteiro. Quando a PGR, MPF e Moro, a mando do clã, aponta para uma testemunha como se fosse ela o criminoso maior, que mais poder-se-ia esperar? Torço para que haja alguém ou algum órgão público que proteja a sua vida.

  9. Muita gente neste país não vale um botão de camisa quebrado. A lista dessa gente pode ser iniciada em Brasília, com tudo dentro, conforme disse o Jucá.

  10. No Brasil é pecado dizer a verdade, ainda mais se tratando de poderosos.
    Quem se lembra do caso Eriberto o motorista de Collor? Se ferrou, nunca mais arranjou emprego. O Brasil merece uma bomba atómica.

  11. Sobre os meus últimos comentários o resumo da ópera pode ser o seguinte:
    Quando Elcio chegou na portaria o porteiro ligou para a casa 58 e recebeu autorização para deixa-lo entrar e anotou o numero da casa no registro. Quando viu pela câmera que o Elcio estava indo para a casa 65 ele retornou a ligação para a casa 58 e recebeu a informação de que o seu ‘Jair’ sabia que ele estava indo para a casa 65. Daí ele ligou para casa 65 avisando que o Elcio estava indo para lá.
    Então, o Carluxo deve ter arranjado um jeito de apagar as duas primeiras ligações na planilha e os áudios.
    Ele estava no condomínio e mentiu que estava na Câmara. O Felipe Neto percebeu isso. Se o Carluxo não tivesse culpa no cartório não teria mentido e arranjado um álibi correndo. O Carluxo deve ter atendido as duas primeiras ligações e se passado pelo pai na casa 58. Isso não seria nenhuma novidade porque ele tem o costume de se passar pelo pai no Twitter.
    As imagens do dia do crime ‘curiosamente’ foram perdidas na polícia. Se houvesse movimentação apenas do Elcio e do Lessa nessas imagens não seria necessário sumir com elas. Eles devem ter dado um jeito de sumir com as imagens porque é possível que o Carluxo tenha se encontrado com Lessa e Elcio na casa 65 ou até mesmo na casa dele ou na casa 58.
    Não podemos esperar nada da polícia e nem do MP. As imagens sumiram na polícia. O Aras arquivou o processo correndo sem uma investigação profunda para agradar o capitão e a turma do MP morrendo de medo tomou a planilha e o áudio da gravação como originais sem verificar a autenticidade e só observou se a voz era do Lessa ou não. E de cara acusou o porteiro de ter mentido sem sequer ouvir a versão dele.
    Portanto, é importante que se proteja a vida do porteiro. Ele estava apenas fazendo o seu trabalho e tudo indica que foi honesto no depoimento. Nem que se precise chamar os organismos internacionais , por favor não deixem eles prejudicarem o porteiro e nem atentarem contra vida dele. Eles são milicianos. O que já diz tudo sobre a natureza criminosa deles.
    Se a verdade não for descoberta em algum momento eles vão pagar por isso na infelicidade que a providência divina vai trazer para a vida deles em outros aspectos da existência. A vida de Lessa e Elcio também corre perigo pelo medo que o/s mandante/s terá/terão de uma delação premiada. Elcio e Lessa são candidatos fortíssimos a PC Farias. Neste sentido, pela lógica, eles estarão mais protegidos se fizerem uma delação porque a coisa vai ficar muitíssimo pior para os mandantes e/ou mandantes se eles atentarem contra a vida deles depois disso.
    Enfim, quem for do bem e puder fazer alguma coisa para proteger a integridade e a honra do porteiro, até mesmo por via indireta, por favor o faça. A providência divina, por certo, vai proteger essa pessoa.

  12. Basta ver na gravação qual número ligado e ver na casa de quem está instalado.
    Aposto que este porteiro vai ficar tão famoso quanto ao tiririca e se eleger a Deputado nas próximas eleições.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.