Temer comprova que Cunha é pai do impechment. E avô de Bolsonaro

A entrevista de Michel Temer a Andreia Sadi, na Globonews, deixa faltando nada para que qualquer um se convença de que jamais houve o crime de responsabilidade alegado para derrubar a presidenta Dilma Rousseff, mas um processo iniciado por vingança de Eduardo Cunha, por não ter tido o apoio dela e do PT para engavetar o processo contra ele na Comissão de Ética da Câmara dos Deputados.

“Um equívoco do PT, eu penso que se o PT tivesse votado com ele [Cunha] naquela comissão, ele estava com boa vontade para eliminar o impedimento”

Não é apenas a informação sobre o que todos já sabiam, mas a confirmação, pelo seu beneficiário, de que houve um golpe movido pelo desejo de impunidade de um corrupto e a suprema mesquinharia de demolir as instituições republicanas por vindita criminosa.

Se Temer, como diz, hipocritamente, que não trabalhou pelo golpe, porque não disse, então, que a decisão de acolher o pedido de impeachment era motivada pelo ódio de Cunha ao ver seus atos examinados pela Câmara?

Um dia será revelada toda a história do “providencial atraso” do Supremo Tribunal Federal em atender ao afastamento – que depois decretaria – de Eduardo Cunha da presidência da Casa.

E daí, naquela velha história de que se “A é igual a B e B igual a C”, todos verão que uma mulher honesta foi afastada do cargo para o qual fora eleita por conta de um corrupto e canalha.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

8 respostas

  1. A história vai percorrendo os caminhos da irrefutável verdade. Os acontecimentos passarão para a história e, embora leve algum tempo, toda a verdade será revelada. Tarde demais… O Brasil já caiu no precipício do fascismo, da retirada criminosa de direitos e da rapinagem de suas riquezas.
    A história dará enfim, os elementos para que se comprove que a Terra não é plana e para que os vendilhões dos templos sejam chicoteados e expulsos pela venda de um deus falso em troca de dinheiro sujo de sangue.
    #LulaLivre = #BrasilLivre

  2. Por soberba, incompetência ou todas as respostas anteriores, o fato é que pt e dilma não conseguiram sequer 1/3 dos votos da Câmara para impedir a abertura do processo de impeachment. Idem no senado.
    Soberba e incompetência juntos resultam em republicanismo, que, aliado à escória moral de aliados desse naipe, faz jus à regra:
    Quem se mistura com porcos come farelo!

  3. Temer pode ter dito sim algo. Mas o PT, tao idolatrado e apresentado sem erros aqui no tijolaco, o mesmo partido que elegeu Bolsonaro, na sua imensa soberba e egoísmo pode não ter ouvido. É um exercício de imaginação que pode ser feito, ja que neste post tem varios.

  4. A história vai percorrendo os caminhos da irrefutável verdade. Os acontecimentos passarão para a história e, embora leve algum tempo, toda a verdade será revelada. Tarde demais… O Brasil já caiu no precipício do fascismo, da retirada criminosa de direitos e da rapinagem de suas riquezas.
    A história dará enfim, os elementos para que se comprove que a Terra não é plana e para que os vendilhões dos templos sejam chicoteados e expulsos pela venda de um deus falso em troca de dinheiro sujo de sangue.
    #LulaLivre = #BrasilLivre

  5. o cara da friboi contou pro moro q pagou 40 milhões para o cunha ganhar a eleição na câmara e tocar o ‘inpitim’. essa de q foi vingancinha é leréia, lorota.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.