Tenha vergonha na cara, Levy: demita-se

É inacreditável o gosto de Jair Bolsonaro em humilhar pessoas.

Hoje, fez isso com Joaquim Levy, presidente do BNDES, a quem vem fustigando desde o início do governo para que arranje denúncias contra a gestão petista.

Bolsonaro disse que Levy “está com a cabeça a prêmio há algum tempo”. Clima teria piorado, segundo Bolsonaro, depois da intenção de Levy em nomear um executivo que trabalhou na gestão petista.
“Eu já estou por aqui com o [Joaquim] Levy. Falei pra ele demitir esse cara [Marcos Barbosa Pinto] na segunda-feira ou eu demito você, sem passar pelo Paulo Guedes”, disse Bolsonaro diante do Palácio da Alvorada, no início da tarde deste sábado.

Joaquim Levy, se não fosse um capacho, já teria se demitido faz tempo.

Agora, porém, foi surrado em público.

Paulo Guedes, idem, porque é o chefe da área econômica e responsável pela escolha de Levy para o banco.

Embora não agrade a ninguém ver qualquer pessoa ser humilhada, a atitude de Levy serve para comprovar o erro de que ele tenha sido  escolhido para evitar uma crise recessiva.

A selvageria de Bolsonaro não é supresa. Mas o capachismo de Levy excede todas as previsões.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

30 respostas

  1. É um governo inteiro de capachos! Todos, a começar pelos “generais”, só têm força contra os fracos: os pobres, os aposentados, os professores, os estudantes.

    1. Os generais de que você fala estão dia e noite na rede, absorvendo propaganda americana. Este é o mal de todos eles: Não têm sequer curiosidade de ver o outro lado.

    2. Concordo! Fernando, há um erro no parágrafo que começa com “Joaquim BARBOSA, se não fosse um capacho…”

        1. Mas o joaquim barbosa – o menino pobre que mudou o brasil – também é um capacho.
          Ou o mensalão do PT também não foi uma enorme farsa.
          A farsa do mensalão do PT já foi desmontada no GGN do Nassif.

    3. Tem razão.
      Espero que algum dia haja um consenso de que as FFAA precisam de um completo remodelamento. Que inclua, também, serem reflexo da composição social e racial da população, em todos os escalões, do soldado ao quatro estrelas.

    4. O que capachos podem eleger que não seja um governo de capachos? Não consigo entender a surpresa.

      1. Mas o substantivo que neste caso pode ser adjetivo serve para o “menino pobre que mudou o brasil” também.

  2. A coisa no modo “conta gota” ta confundindo até os inteligentes Bolsominions:
    – Eles querem saber quem é esse tal de “Gota” que ta contando tudo.

  3. Joaquim Barbosa, se não fosse um capacho, já teria se demitido faz tempo? Melhor corrigir a falha…

  4. Não colocaram no BNDES alguém para administrá-lo, pois estão se lixando para boas administrações. Colocaram lá alguém para vasculhar o Banco à procura de indícios de roubo petista, apenas isso. Acontece que na campanha de demonização dos petistas inventaram que o BNDES era um valhacouto de ladrões e comunistas. E eles são tão primitivos que acreditaram na própria mentira inventada por eles mesmos. Desde então, ficam espalhando veneno para tentar fazê-la se tornar em verdade. Agora, agem como os loucos da inquisição espanhola: estão certos de que no BNDES há uma bruxa, e é inútil e incompetente quem recebeu a tarefa de encontrá-la e não consegue.

  5. O que acho inacreditável é o fato de essas figuras se sujeitarem a servir num governo como o de Bolsonaro que trata seus ministros e pessoal de alto nível como moleques de recado. Aliás, quando tive uma empresa, ninguém, nem o cachorro, era tratado dessa forma

  6. O cara aceitou trabalhar para um sargento brucutu analfabeto,ignorante e estúpido, então agora não pode reclamar se ficar a marca de uma ferradura no peito.
    Bem feito por isso e por ter detonado o governo da Dilma, a serviço do Aécio e do Moro.

  7. Sinceramente, fiquei feliz pela primeira vez com um atitude do bozo como des-presidente do braziu ( na gramática tosca deles é assim ).

    Ver o Levy humilhado publicamente, quaisquer que sejam os motivos, NÃO TEM PREÇO !!!

  8. Pecado de Dilma , pecado de Bolsonaro , ambos erraram em colocar Levy no governo . Pior o de Dilma foi o começo do fim .

    1. O erro foi não ter dado fim as desonerações no final de 2012.O empresariado não aplicou em empregos e sim na bolsa. Esse assunto foi discutido pouco antes do encontro com os delegados no Anhembi.

  9. Erro! Foi uma besteira monumental da Dilma, colocar alguém totalmente pró mercado e sem nenhum compromisso com as pautas do PT para conduzir a economia. Junte a isso, a manutenção do Zé da Justiça, encher o saco com algumas medidas sem efeito prático na previdência, não vetar delação premiada e a lei anti terrorismo, que pode ser usada contra os movimentos sociais e etc.

  10. Foi esse sub do sub do… que o sistema financeiro usou para colocar a Dilma de joelhos. Do caráter dela, não há o que questionar. Mas aceitando essa humilhação, faz lembrar que:

    “Deste lado do muro, o jogo é tão duro, meu Pai, que só ter pena de nós não vale a pena.”

    Né não?

  11. Golden shower em frente ao Palácio do Planalto é realmente muita humilhação.
    Nem verme suporta.

  12. Quanto mais alto o pódio maior o tombo. O capitão vai sentir na pele o que é humilhação quando ele for escorraçado do planalto. Por enquanto deixa ele se achando, porque depois esses caras que estão sendo humilhados vão tripudiar em cima dele.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.