Veto ao abuso de autoridade caminha para derrota acachapante

O Governo – menos – e Sérgio Moro -mais – caminham para uma derrota acachapante na votação dos vetos apostos por Jair Bolsonaro ao projeto que pune o abuso de autoridade de policiais, procuradores e juízes.

Terá os votos do Podemos morista, do PSL e do Novo, quase nada mais.

Serão os novos galinhas-verdes, nome que se dava aos integralistas, além de algum moralista virginal da Rede, nem todos, tamanha é a evidência de que é o autoritarismo, não o combate à corrupção, a razão dos vetos.

O Congresso começa o sepultamento político de Sergio Moro.

O processo político está se polarizando, não vê quem não quiser.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

3 respostas

  1. Não vejo discussão política ,de conceitos,argumentos ou ideologías ,estamos desde o GOLPE na escolha entre civilização o barbarie.
    Até agora os apoiadores parecíam não ter percebido que seríam devorados pelo demente e sua troupe .
    Aos poucos ele vai se isolando e acabará defenestrado pelos parceiros de farda que querem emplacar o mulão .
    Hoje tivemos mais uma amostra da aberração que representa esse sujeito,hoje ele assustou e separou ainda mais ,os fanáticos alienados dos apoiadores por interesse.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.