Esquivel não se intimida com juíza e vai à PF apoiar Lula

esquivelpr

Proibido de visitar Lula por uma juíza que acha que “não são impositivas” as chamadas “Regras de Mandela” e a lei brasileira na questão de  visitas a presos, o Prêmio Nobel da Paz, Adolfo Pérez Esquivel, aos 86 anos, foi humilde e solidário, se juntando às centenas de pessoas que há duas semanas fazem vigília ao lado do prédio da Polícia Federal em Curitiba.

Ouça sua entrevista à rede Telesur.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email