As baratas estão tontas. E furiosas

Há um método sem falhas para que se identifique o lado do Direito e da Justiça neste aparente impasse em torno da “soltura à força” de Lula.

Basta que você veja o óbvio: os que estão “exigindo” que ele vá para o regime semiaberto são os mesmos que fizeram e tudo para enjaulá-lo, recorreram e aumentaram sua pena na segunda instância, tentaram – e faz pouco – mandá-lo para um presídio comum, com todos os riscos de segurança que isso traria e se opuseram, até mesmo, a que ele pudesse ir, dignamente, ao sepultamento do irmão mais velho e do pequeno neto de sete anos.

É o que basta para que deles se extraia, em matéria de respeitar os direitos de Lula, tanto quanto se pode extrair água de uma pedra.

Portanto, é absolutamente simples entender que a inédita decisão do Ministério Público de Curitiba de pedir a progressão do regime prisional de Lula é uma manobra política, para produzir – ou impedir que se produzam – decisões judiciais a seu favor, que têm sido retardadas apenas porque, contra Lula, tudo vale.

Veja-se por um dado simples: a defesa de Lula pediu, em maio deste ano, a progressão de regime, ao apresentar embargos de declaração ao julgamento de seu recurso no Superior Tribunal Federal. Está lá, na página 63 da peça de sua defesa:

Considerando como prazo inicial do cômputo da detração a data da custódia, qual seja 07/04/2018, transcorreu-se exatamente o período de 01 (um) ano, 01 (um) mês e 02 (dois) dias até o presente momento. Ao ser subtraído o montante acima disposto da pena fixada em 08 (oito) anos, 10 (dez) meses e 20 (vinte) dias de reclusão, obtém-se o quantum restante de 07 (sete) anos, 09 (nove) meses e 18 (dezoito) dias. Frisa-se que tal valor encontraria correspondência a um cumprimento de pena em regime inicial semiaberto, por inteligência do artigo 33, §2º, alínea “b”, do Código Penal, mas diante da (conhecida) inexistência de estabelecimento compatível, faz-se necessário desde logo a fixação de um regime aberto, máxime diante da peculiar situação do Embargante — sem prejuízo do manejo de todos os meios legalmente previstos com vistas à sua absolvição e manutenção da presunção de inocência nos moldes assegurados no Texto Constitucional.

Um pedido que, de tão claro, recebeu – e sem alarde publicitário – o “de acordo” da representante da PGR, em poucos dias.

Não obstante, cinco meses depois, nada disso foi implementado.

E, a depender da juíza Carolina Lebbos, não o seria, porque, há apenas uma semana (dia 23 último) ela assim se manifestou sobre a progressão de regime:

Diante desse quadro, este Juízo Federal de Execução Penal tem intimado os executados para a realização do pagamento das obrigações pecuniárias impostas e derivadas do título penal condenatório, tendo em vista as implicações penais decorrentes da ausência de pagamento – como a impossibilidade de progressão de regime prisional em relação aos crimes contra a Administração Pública (art. 33, § 4º, do Código Penal) e de livramento condicional (art. 83, inciso IV, do Código Penal).

Está claro, portanto, que tudo se trata de uma pantomima macabra, da Força Tarefa que pede a progressão e da juíza que solicita o atestado de bom comportamento de um réu que, sob suas próprias palavras, não cumpriu o que a magistrada exige para a progressão de regime, qual seja o pagamento das multas pecuniárias.

Em tudo há cinismo e hipocrisia, armando-se uma arapuca para o ex-presidente.

Estão perdidos como baratas tontas depois da mudança de orientação do Supremo Tribunal Federal e utilizam o nome sagrado da liberdade humana para travestir seu desejo de humilhar um homem que jamais criou obstáculos para o Judiciário e que, aliás, fez todas as leis que permitem a ele mitigar o sofrimento da prisão, inclusive a lei que regula o monitoramento por meio eletrônico.

E nisso estão possuídas de tanta fúria que não se envergonham de manipular o instituto das liberdade para o que, julgam eles, será “diminuir a pressão” sobre o Supremo e, jóia da coroa, submeter Lula a aceitar a colocação de uma coleira no tornozelo, tal como se costurava a estrela nos uniforme dos judeus.

Espero que os jornalistas deste país tenham se enjoado – já nem digo enojado, seria esperar demais – das manipulações que sofreram pela Lava Jato e que foram desnudadas pelas transcrições do Intercept.

Pesquisem. Vejam quantas vezes a Força Tarefa pediu progressão de regime. Apurem a razão de não haver manifestação, por cinco meses, sobre o pedido de progressão, ab initio, feito pela defesa de Lula. Procurem os precedentes – e há – de presos que recusaram a progressão e pena e que nem por isso foram punidos com a perda do direito a ela.

Façam isso, em lugar de explorarem a simplicidade e a boa-fé das pessoas que, claro, acham que é muito melhor ficar em regime aberto do que trancado numa saleta por um ano e meio.

Porque só assim as pessoas poderão entender que Lula recusa não a liberdade, mas a humilhação.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

42 respostas

  1. Mais um argumento para os advogados de Lula recusarem a progressão do regime. A juíza atual do caso já decidiu que a progressão do regime está condicionada ao pagamento das obrigações pecuniárias. E o réu não faria isso sem ser condenado em última instância.
    Em tempo: tadinha das baratinhas. Não merecem ser comparadas a esses vermes malditos.

        1. Ela pode ser muito amada por pessoa que pensa igual a ela e a apoia. Não se iluda: as pessoas têm razões muito razoáveis para serem más.

  2. Inuteis sugestões.Seria,como sugerir aos ,que colocavam marcas,sobre os JUDEUS,o mesmo.Pois o JORNALISMO,não passa das expressões dos DONOS DAS “MIDIAS”,que os servis JORNALISTAS ,mais amam.

  3. Hoje entrei na caixa de comentário do UOL quando se tratou do assunto. Já eram quase 2 mil comentários, a imensa maioria contra o Lula. E veio-me a memória a famosa frase de Malcolm X: “se você não for cuidadoso, os jornais farão você odiar o oprimido e amar o opressor”

    1. ALMA PODRE E DOU A BUNDA SE NÃO FOR UM POBRE DE DIREITA,UM FILHO DE KENGA COM PROXENETA.

  4. Lula está maior do que nunca e isso os procuradores lavajateiros não aceitam de nenhuma forma.

  5. O G1 é o termômetro. Ontem a recusa de Lula tava topo da página, mostrando que o editorial acredita que isso prejudicaria a imagem dele. Hoje a análise, algumas boas posições pra baixo, é que ele “quer posar de vítima da injustiça”. Nenhuma noção de que ele seja vítima de injustiça de fato. Citam “benevolência da LavaJato”, é mole? Não precisa de lista nenhuma, basta dizer que foi impedido de ir ao velório do irmão sob alegação de que o pneu do helicóptero tava furado. Até corações envenenados foram capazes de reconhecer perseguição e zero validade dos direitos naquele momento.

    (barata ou não, é difícil não ficar tonto e furioso com as manchetes.)

    1. Dobrar a aposta na mentira é o maior risco que o PIG correu até agora. A verdade está crescendo, está se impondo, está se institucionalizando, e os piguentos teimam em ficar ao lado dos que ainda gritam que o “mito de Jesus” vai fechar “este FGTS”.

      1. Este universo paralelo, no qual a convicção orienta não só o judiciário, mas também parte expressiva e dominante da imprensa e uma camada significativa de população, jamais aceitará a inocência de Lula. Se Jesus Cristo em pessoa aparecesse dizendo que Lula é inocente, eles abandonariam sua fé. Tem jeito, não. A parcela da população que trocou o voto 13/2014 pelo 17/2018 é a única que pode ser balançada nessa disputa. O resto não se demoverá.

        (O grupo Globo ainda é responsável pela versão oficial dos fatos, o alcance de narrativas mais elaboradas que deixam óbvio que Lula é preso político não é profundo. O voto resiliente no petê é uma mostra de que a convicção do povo é ou pode ser suficiente para lidar com essa narrativa oficial. Minha vizinha no entanto vai continuar mandando no grupo do condomínio que a população ignorante escolheu liberar Barrabás.)

  6. A Globo é a maior defensora dessa armadilha contra Lula. Portanto, como dizia Brizola…

    É uma pena que Brizola não tenha sido eleito Presidente…
    Quando os fascistas forem derrotados (serão, sem dúvida) a Globo precisa ser extirpada pois é um câncer contra a Democracia.

  7. E pensar que um dia, nesses dias loucos e alucinados que vivemos – com direito à ‘dancinha da corrupção’, de manifestoches ostentando a camisa da CBF – a imprensa brasileira bancou o duelo ‘Lula x moro’. Ora?!? Eles estavam sendo comparados??? Como se à mesma altura estivessem??? Não, jamais! Lula é alguém cuja existência será perpetuada na história ‘gigantemente’. O outro é um alguém que tentou se tornar notado agarrando-se no brilho do primeiro. Até conseguiu ser notado, mas daí a comparar-se à estrela que o iluminou, tem-se uma distância impercorrível. Lula está deixando um legado pra humanidade,, e mesmo perseguido, NÃO VERGA A ESPiNHA!
    O outro deixa um rastro de destruição seguindo seu espectro incômodo. Surpreende apenas pela capacidade de flexibilidade de sua espinha, A ESPINHA MAIS FLEXÍVEL DA HUMANIDADE, VERGA AO EXTREMO E NÃO QUEBRA. Se ajoelha, se prostra, rasteja, oferece sua vulnerabilidade… Não há um mínimo de brio e dignidade neste ser. Um jeca covarde, deslumbrado e ganancioso, uma piada. Impossível tentar compará-los.
    Mas tivemos dias tão loucos que várias revistas, jornais, rádios e TVs fizeram esta alusão, como se possível fosse, como filé de boimate, entendendo ser possível um enfrentamento entre ambos. Não é! Nunca será! São de dimensões diferentes, de mundos diferentes.
    Mas o fato serviu para descobrirmos um ser vivo menor que a bactéria – séjumoro, o menor!

  8. Brito. É importante ressaltar que esse pessoal da Lava a Jato, que praticou inúmeras arbitrariedade contra o Lula, ainda continua atuando como se nada tivesse acontecido. É incrível que até agora nenhum deles tenha sido punido, e, ao que parece, não o serão. O STF continua omisso e com muito medo da república de Curitiba e da mídia, e ao que tudo indica, nada fará para frear esse pessoal. Lula, ao meu ver continuará preso. O STF não terá a coragem de soltá-lo, como muitos vêm apregoando por aí. O fantasma do ex-juiz Sérgio Moro, infelizmente ainda apavora os ministros da Suprema Corte.

  9. Tem horas em que só a bala na testa é que resolve .O calvário do Lula e sua fortaleza MORAL,que a delinquência que tomou conta deste país nunca entenderá ,(o que só retrata o seu nível de miséria humana) impede justamente a solução de este engodo histórico onde estamos presos desde 2013.Ele é a opção pacífica a solução históricamente reclamada pelos esquerdistas auténticos.
    Pessoas que conheci na minha juventude já teríam pegado em armas e sangrado a mais de um TRAIDOR ,mas,vivemos o tempo da conciliação, da “civilização” que curiosamente só é defendida por nós,eles só querem ACABAR com nós..

    1. Desde q o crime organizado cresceu com uso de armas pesadas usar do mesmo artificio de luta armada contra esses tiranos fica dificil de tornarse uma realidade

      1. Para quem foi testemunha direta do massacre promovido pelos PRIMATAS DE FARDA a serviço do tio sam ,consegue perceber que hoje as variáveis que envolvem o desprendimento pela vida em função do BEM COMÚM são uma ILUSÃO IRREPETÍVEL.
        A humanidade um dia SERÁ MELHOR DO QUE HOJE.

  10. O momento exige cautela. Pouco conhecemos sobre o caráter criminoso e violento de quem usa a Justiça como fachada para esconder seus instintos assassinos. Lula corre risco real. Está na mão de pessoas sem escrúpulos que estão acuados. É preciso proteger Lula mais do que nunca.

  11. Os últimos acontecimentos reforçam minha admiração e aumentam exponencialmente minha vontade de votar em LULA. Mas não sou cego. Reconheço que aí fora só vem aumentando o ódio contra LULA.

    1. por qué ????????????????????????????????????????????????????????????????????????????
      ,quero que vc me explique .Não entendí.Eu concordo com vc,acho que vc não entendeu NADA,ABSOLUTAMENTE NADA.

          1. ???????????????????????????E AÍ ????????
            VAMOS PENSAR MEU.

  12. Lula está sendo vítima de uma conspiração. E das grandes, visto o preço – caríssimo – que grandes figuras estão pagando para lograrem êxito. Só lembro a eles como costumam a acabar conspiradores – traídos ou homenageados em cemitérios…

  13. Para baratas, tontas ou não, um aerosol do antigo Detefon, do Rider e do SBP resolvem. Mas, para canalhice, só paredão resolve. Como no Brasil não tem paredão, cadeia é o mínimo que esses descerebrados merecem.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.