Brincadeira da arminha passou dos limites. Ou não há mais limites?

Jair Bolsonaro assinou um decreto ampliando os limites e retirando boa parte do controle para a compra e posse de armas.

O Judiciário dormiu no ponto, não deu liminar sustando a regulamentação e…

Jair Bolsonaro assinou outro decreto, liberando, potencialmente,  milhões de pessoas – caminhoneiros, advogados, políticos e proprietários rurais, entre outros – portarem armas e armas de calibre pesado.

O Judiciário continuou dormindo, deixando que o Senado fizesse seu papel, e o Senado fez.

No dia em que a Câmara ia completar a derrubada, Jair Bolsonaro o revoga, poucas horas depois de ter mandado o  o porta-voz da presidência da República, general Rêgo Barros, dizer que não revogaria.

Então, o Supremo tirou de pauta o julgamento de sua legalidade.

Acabou?  Não acabou!

Sua Armência baixou o mesmo decreto, picado em três papeluchos oficiais, restabelecendo quase todos os dispositivos revogados.

E mandou um projeto de lei para fingir que se submete ao Congresso, enquanto segue valendo o “liberou geral”.

Como se sabe, não está acontecendo nada de importante e sério com o Brasil, então as crianças podem ficar brincando de bangue-bangue, não é?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

17 respostas

    1. Voce talvez nao tenha reparado mas houve uma sutileza na forma como ele realizou esse processo que indica que ha’ alguem por traz do capitao que entende bem sobre processo legislativo, porque eh bem claro a todos que o Bolsonaro eh burro e jamais teria a capacidade intelectual de realizar tal manobra. Gostaria muito de sabe quem esta por traz disso.

      1. Certamente há alguém por trás disso.

        Boçal Nato tem uma cultura do tipo que acha que a Islândia fica na África.

        1. KKKKKKKKKK é a cara dos bolsonaros essa falta de cultura básica.Alias acho que eles tem no máximo o segundo grau em colégio de quinta nem colégio militar fizeram porque dificilmente passariam.

      2. O Ynox também não é,pois é mais burro que uma portinhola de chiqueiro.
        Não são os milicos porque eles nascem e morrem burros, nem o Olavo que não acredita em gravidade.
        O Guedes não foi aceito como caixa do AmPm por dar sempre diferença , errar no troco e comer sanduíche escondido.
        Os 3 Carluxos sempre acertam o pé quando vão caçar.
        Então quem seria?
        A Damares, o Brucutu do Itamaraty? Também não,pois ainda pulam amarelinho.
        O Frota só pensa em depilação, e o Weintraub só pensa em comunista.
        Então só sobra um.
        O nome dele é………
        Oops faltou luz.

  1. O dificil é acreditar que 54milhões de votos dão legitimidade a esses e outros DESVARIOS!

    O limite é o céu!

  2. Só matando esse filho de uma puta mesmo. Gosta de arma? Então, toma tiro, tiro, tiro, até esmorecer. Lixo humano.

  3. O incapaz do bolsonaro precisa fingir qur faz algo. Vide tomada de 3 pinos, golden shower, cadeirinja de crianças..m

  4. Sempre retorno ao termo IDIOCRACIA, pois é o que mais chega perto do pandemônio generalizado, que o povo brasileiro escolheu como seu regime de governo predileto ,e que foi eleito por larga margem.
    Nos próximos pleitos não esqueçam candidatos:
    Quanto mais doidos,mais votos receberão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *