Caças venezuelanos foram “agressivos” com avião espião dos EUA?

Tem militar brasileiro de orelha em pé.

Apesar de a grande imprensa tratar do fato de dois caças da Venezuela terem expulso um avião de espionagem Aries II EP-30 dos EUA, como uma “provocação” venezuelana, o fato é que a Força Aérea daquele país desmontou toda e qualquer ilusão de que seu poderio está arruinado.

Alguns fatos:

1- Os caças Sukhoi Su-30, que equipam a Força Aérea estariam sem condições operacionais e imprestáveis para combate. Não estão.

2- Os sistemas de detecção por radar e ação de resposta rápida venezuelanos estariam operando precariamente. Não estão.

3- O avião norte-americano estava sobre “águas internacionais”: é inconfiável a informação, pois o mar territorial venezuelano, por conta da proximidade com países -ilhas do Caribe é muito recortado, o que faz com que um termine onde começa o do vizinho, sem “águas de ninguém”. Os venezuelanos mostram telas onde o avião dos EUA sai de um bolsão pertencente a Aruba e Curaçao e entra na faixa defronte ao Aeroporto de Maiquetía, a 28 km da capital venezuelana, Caracas, ou pouco mais de três minutos de vôo.

4. Não é preciso pensar no que seria um avião militar venezuelano voando a 60 ou 7o km de Miami, não é?

5. A aproximação de um dos caças lateralmente ao avião dos EUA não pode ser uma atitude “agressiva”. No vídeo distribuído pelo comando venezuelano mostra-se claramente que na carlinga há uma placa onde se lê “121,5”, que é a frequência internacional, em megahertz, para que uma aeronave interceptada responda pelo rádio porque está ali e se está numa situação de emergência.

6. É difícil acreditar na história de “risco de colisão”, porque o SU-30 é dos aviões manobráveis da aviação militar. Quem quiser veja a foto de um impressionante voo de demonstração do aparelho a apenas um metro do solo, aqui.

7. O avião norte-americano é uma aeronave espiã, que recolhe dados por telemetria e já causou um grave incidente internacional. Em abril de 2001, um avião de reconhecimento igual colidiu e destruiu um avião militar chinês , matando o piloto chinês em Hainan , uma ilha chinesa perto de Cantão. Avariado, o avião dos EUA pousou em um aeroporto militar chinês. Outro foi interceptado pela aviação russa, no inicio do ano passado (aliás de forma muito mais “agressiva”, como se vê no vídeo) próximo ao Mar Negro.

8. E o que mais incomoda os militares brasileiros, diante da perspectiva de serem comandados por “Dudu, o bélico”, é que está aí o ponto de maior inferioridade bélica do Brasil. Não temos condição alguma, com o equipamento que temos, de enfrentar a aviação venezuelana e, pior, estes aviões são multiuso, servindo também para ataque a forças de solo e não apenas combate ar-ar.

Além do que, dispõem de uma vantagem tática insuperável. Eles não querem nos invadir, Dudu quer invadi-los.

Ficou claro que não é fácil que nem fritar hambúrguer.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

23 respostas

  1. Sabemos o modus operandi do “grande Satã”, como chamava Khomeini. A Venezuela dificilmente escapará de uma intervenção militar americana, não importa o tempo que isto leve. Isto vai destruir a América do Sul e trará consequências imprevisíveis para o Brasil.

  2. Sabemos o modus operandi do “grande Satã”, como chamava Khomeini. A Venezuela dificilmente escapará de uma intervenção militar americana, não importa o tempo que isto leve. Isto vai destruir a América do Sul e trará consequências imprevisíveis para o Brasil.

    1. O que faz a diferença é que o povo e militares daquele país sul americano, além de serem grandes patriotas, são bem mais inteligentes que milhões de amebianos brasileiros. Qdo Chaves expurgou do judiçiario os traíras a famigerada globo foi a que mais esperneou. Hoje sabemos o porque. Por aqui os da corja togada foram “condecorados” e até receberam prêmios.

  3. Querem dizer que o avião estadunidense saíu de seu pais, na América do Norte, voou até a América do Sul, postou-se a apenas 28 km de distância de Caracas e a “provocação” foi do caça venezuelano que estava cumprindo sua obrigação? É difícil imaginar desculpa mais ridícula.

    1. Não temos imprensa no Brasil, temos um bando de pseudo jornalistas puxadores de saco dos seus patrões cínicos. Ou seja, canalhas.

    2. Se eu fosse o responsável pela força aérea venezuelana, esse avião ianque já estaria destroçado no chão.

  4. Impressionante a CARA DE PAU desta nação terrorista chamada USA, independentemente se estavam dentro da área legal VENEZUELANA ou não,um fato é que estavam muito próximo imaginem um desses aviões venezuelanos próximo de NOVA IORQUE,LOS ANGELES, o terror midiático que seria, infelizmente vivemos é em uma grande senzala que fingem liberdade.

    1. Pessoalmente, acho que os EUA são o cancro do mundo. Onde há conflito, onde a guerra, onde a desunião, onde há exploração, onde há crimes contra a humanidade, lá está o cancro do mundo. Até quando, meu deus?

  5. Convenhamos: o Sukhoi SU 30 demonstra seu superior desenvolvimento aerodinâmico!!!

  6. o presidente indigente
    e mais burro do mundo
    é do brasil e não tem pra
    ninguém – jair bolsonaro o
    mentecapto vil vã e vintém…
    (antônio poeta)

    #antôniopoeta #nanopoema

  7. vem voando até passar os limites. se derrubam, diriam que foi um ato hostil. como se invadir o espaço alheio, não o fosse também.

  8. 09:52 -> 11:43 = Quase duas horas entre detecção e expulsão. Não me parece uma resposta tão rápida assim.

  9. Resumindo: ninguém precisa ser especialista em estratégia militar para saber de que lado está a verdade nessa história. Basta o raciocínio lógico elegantemente encadeado por Brito neste artigo. Nosso grande problema é que telespectador de Globo e congêneres é incapaz disso…

  10. Brito , quem pensa em ter ganhos financeiros , viagens de cooperação internacional , treinamento em outro país e apoia desgoverno . Não pensa em soberania nacional , este é o perfil dos militares brasileiros que estão no comando das forças armadas .
    * Nestas viagens sempre levam as esposinhas .

  11. esses norte americanos são tão sensíveis
    coitadinhos, o piloto se borrou de medo?

    o mais fofo é os EUA pedir (ou mandar) para Russia e China sairem de lá pra eles poderem reconstruir o país – nossa!! até escorregfou uma lágrima emocvionada, muito fofo

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.