Cantanhêde: as digitais do coice não são de Carlos, mas de Jair

Convertida agora em “colunista da massa fardada”, a inefável Eliane Cantanhêde recolheu preciosas impressões na solenidade de posse do novo chefe da Comunicação Social do Exército, general Richard Nunes.

E a maior delas é aquilo que, aqui, já se tinha sido suspeitado ontem : não foi o pai Jair que referendou a “patada” do filho Carlos no (ainda) ministro Gustavo Bebbiano, mas Carlos é que serviu como pata ao coice de Jair.

A cronologia descrita por Cantanhêde é implacável: primeiro Jair Bolsonaro, ainda no Albert Einstein, gravou com a Record que Bebbiano tinha dito uma mentira – usou a palavra, literalmente – para depois “retuitar”, já em vôo para Brasília, a manifestação grosseira do filho.

Desmonte-se, portanto, toda a onda de que é Carlos Bolsonaro quem está criando este clima insustentável dentro do governo. Esta foi apenas a versão que, deliberadamente, se quis “armar”.

É Jair Bolsonaro sendo quem ele é: um desqualificado para o cargo que ocupa.

O problema não foi Carlos, foi Jair

Eliane Cantanhêde, no Estadão (trecho)

Todos ali sabiam que, num clima como esses, só uma pessoa tem coragem, legitimidade, respeito e jeito para alertar o presidente contra o excesso de poder dos filhos e para o excesso de problemas que eles estão jogando no colo do pai. Esta pessoa é Heleno. Os militares recorrem a ele, a quem cabe dizer verdades difíceis a Bolsonaro.

Na crise de Bebianno, porém, quem matou a charada foi o Estado, ao recompor a cronologia da quarta feira, que deveria ser de comemoração da alta de Bolsonaro e virou uma guerra entre o filho do presidente e um dos únicos civis com algum poder no Planalto.

E qual foi a charada? Os mundos político, militar e econômico passaram o dia crucificando Carlos Bolsonaro por ter tido a audácia e o voluntarismo de atacar um ministro. Mas a história é diferente. Primeiro, o presidente desmentiu Bebianno ao gravar a entrevista para a TV Record ainda no Hospital Albert Einstein. Só depois, enquanto o presidente voava para Brasília, Carlos divulgou o desmentido do pai pelo twitter, inclusive com o áudio em que ele se recusa a falar com Bebianno. Por fim, Bolsonaro retuitou o ataque de Carlos.

Ou seja: todo mundo incomodado, aflito e preocupado com o ato de Carlos, mas o problema era outro: não foi o filho quem gerou o problema, nem foi o pai quem tomou partido dele a posteriori. Foi o presidente quem atacou o ministro, Carlos só amplificou a posição do pai. Logo, Carlos não age da própria cabeça, ele é a voz do presidente.
Conclusões: 1) desta vez, o problema não foi Carlos, foi Jair; 2) Bebianno está frito, mas ele também tem muito óleo na frigideira; 3) Se é assim com Bebianno, o que será com os demais? 4) Heleno pode fazer queixa de Carlos para Jair, mas pode dar uma bronca no presidente?

O Exército está irritado com o filho, mas quem gerou a crise foi o pai presidente

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

41 respostas

  1. Hospício Brasil está a 1000 por hora. Que pecados terríveis nós, brasileiros, já cometemos para sermos castigados por tamanho ajuntamento de animais mentais…….???

      1. Segundo pecado, cair na lorota a mídia de que só o PT era corrupto, e terceiro, deixar Lula preso. O Brasil merece os coisos.

    1. O PECADO DE NÃO DEFENDER, FÍSICA E ATIVAMENTE, NAS RUAS, PRAÇAS E LOGRADOUROS PÚBLICOS DO PAÍS, UMA PRESIDENTE HONESTA GOLPEADA PELOS ENTREGUISTAS E UM EX-PRESIDENTE SER CONDENADO E APRISIONADO SEM CRIME QUALQUER E SEM PROVAS!
      UM POVO CALHORDA, IGNARO E COVARDE, TEM O GOVERNO QUE MERECE!
      BYE, BYE, BRAZIL!

    2. Só quero ver a reforma da previdencia, o grande teste desse governo, se não aprovar terá impeachment na certa. Esses casos intestinais podem agravar o quadro ou serem solucionados, como o mal misterioso que atravessa o ungido pela direita.

  2. Brito e leitores,

    Cuidado com esse artigo “professoral” da Eliane Tucanhêde, a mesma que ‘revelou’ que o Bozo recebia alta após a última sessão de quimioterapia (ato falho!? Duvideodó, pois o âncora não a desmentiu enquanto ela falava). Esse enredo foi passado a ela, em detalhes e por escrito, pelo generalato golpista, do qual ela e o ‘Estadinho’ falido são porta-vozes. O 02, o pitBozo, sempre esteve de olho e ávido em poder manobrar a milionária verba publicitária da SECOM, reivindicada por Gustavo Bebbiano como parte do rachuncho pelo aluguel da sigla ao clã Bozo e aos de coturno e fardas que bancaram a aventura presidencial do terrorista que já pertenceu às fileiras do exército.

    O generalato golpista, por meio de “aproximações sucessivas”, como disse o general cafuso que se acha ariano, vem tentando enquadrar o Bozo-pai, os demais integrantes do clã, milícias e baixo clero das FFAA, polícias, MP, PJ… Isso é muito claro, para quem se atenta aos detalhes e às entrelinhas, sem se deixar enganar pelo discurso oficial; De nada valem e nada comandam 50 ou 100 generais, de 2, 3, 4 ou 5 estrelas se os mais de 200 mil que integram a baixa oficialidade do exército, que somados aos contingentes da PMs e polícias civis nos estados (tanto na ativa como na reserva) chegam perto de 3 milhões, todos eles portando armamento de guerra. A luta intestina pelo poder se dá nas hostes das FFAA. A nomeação de um general de brigada (2 estrelas) como subcomandante de uma divisão de forças estrangeiras, como já divulgado, é outra investida dos EEUU por meio da guerra híbrida, visando também fragmentar e quebrar a hierarquia nas sabujas, vira-latas e entreguistas FFAA brasileiras.

    O buraco é bem mais embaixo. não podemos nos distrair com esses artigos “professorais” da Tucanhêde, que provavelmente não redigiu sequer uma das frases do que publicou e assinou como sendo sua crônica política do dia, “decifrando” falso enigma.

    1. A concordância com Cantanhêde não vai além da observação da cronologia do caso, que é chave para se entender a autoria do coice.

  3. e tem um detalhe
    se o traste não permitisse o filho calava a boca – e zéfini
    ou não existe a tal da disciplina e hierarquia nessa familia?
    ou o traste é tão banana a ponto de permitir os filhos fazerem o que bem entendem?

    estão acusando o filho pra poupar o pai – essa é a verdade

  4. Desde o dia primeiro de janeiro de 2019 não somos mais brasileiros.

    Somos “rio pedrenses”.

    Bem-vindos à República Federativa de Rio das Pedras.

  5. Os bolsominions, as igrejas evangélicas mercenárias e os meios de comunicação golpistas é que colocaram a milícia do Bozo no poder. Eles não eram contra a corrupção, eles colocaram a corrupção no poder.

  6. PRIMEIRO QUE O EXÈRCITO NÃO DEVERIA ESTAR IRRITADO,ALIÁS ;NEM LÁ DEVERIA ESTAR,SEGUNDO QUE MAIS É QUE EXPLODAM TODOS DE TOGA DE TERNO DE FARDA OU OS NUS.A PF INVESTIGA GILMAR,CREIO QUE JUNTO COM A ABIN,GILMAR È UM CRIMINOSO,MAS DEVERIAM INVESTIGAR OUTRAS TOGAS A COMEÇAR PELO TRIO DO TRF 4.

  7. Eu só sei uma coisa. É triste, mas estou me divertindo muito. O governo virou um pandemônio.

    1. tbm estou me divertindo
      gostando de ser oposição a esse circo com cara de hospício

    2. NUNCA “antes” se viu nesse país uma maçaroca tão labiríntica como essa dos boçalnaros.

  8. Esse ” esclarecimento” da “escrevente” catanhêde era desnecessário,não se esclarece o óbvio .
    É claro que aquele joguinho de cena que ela descrebe , é pra inglés ver.

    ——O Exército está irritado com o filho, mas quem gerou a crise foi o pai presidente—
    discordo desta última frase do post , eles são absolutamente cientes de que o “problema” é o pai,sempre souberam.
    ELES SÓ AGUARDAM O MOMENTO CERTO PRA AFASTA-LO.

    1. O que percebo é que a esquerda, o PT e tudo mais que poderiam servir de contrapeso para a Nação estão mudos, escondidos e acoelhados… porquê? Medo, desestruturação, incapacidade de compreender o que está acontecendo? A única certeza é que a frágil esperança de nos tornamos uma Nação adulta foi assassinada a golpes de lockout, traição, lawfare, impeachment e conspiração midiática, e os assassinos NÃO TEM NADA A OFERECER. Estamos à beira do precipício esperando Godot.

      1. Olha ,eu tenho uma explicação que costuma desagradar algumas pessoas ,OS PTS NÃO SÃO ESQUERDA.
        Os pts NUNCA confrontaram o sistema estabelecido ,porque eles são um partido de centro ,de conciliação,de acordo,eles nunca dão murros na mesa.( seus métodos conciliatórios foram aplicados no seus governos ,–a conversa é longa–)
        Assim ,eles aceitaram mansamente o GOLPE,e agora fora o episódio da posse de Maduro (criticada pelos ditos esquerdistas !!!) aceitam calmamente o desenrolar da situação.
        Até o Haddad tirou uma foto com o ator Serrado/moro , e a postou com a mensagem “fera” ,ele é um “bom moço” !!!
        os pts também !!

          1. Ele escolheu Haddad,os motivos fazem parte da intimidade do Lula.

          2. Então estamos perdidos,porque se até hoje ninguém colocou isso em dúvida,desde seu ponto de vista estão todos jogando contra Lula

          3. Não digo todos, mas aparentemente uma corrente majoritária que conseguiu se firmar e que tem grande espaço em blogs de esquerda e em seguidores nas mídias sociais, com boa lábia. E que posam de defensores do “Lula livre” sabendo que são palavras vazias depois do caldo entornado.

            O simples fato de Lula ter ido ao sindicato em São Bernardo, já foi a ida ao abatedouro – independente se ele tinha intenções ou não de se entregar.

            Só os ingênuos acham que haveria possibilidade de resistência por lá.

            Se é verdade que pegaria mal perante o mundo se a polícia entrasse massacrando (e também duvido que fizessem isso), também é verdade que esqueceram-se da logística.

            Se cortassem o acesso à eletricidade, água, alimentos, artigos de higiene pessoal, até onde iria aquela resistência? Para ficarmos apenas no caso da água, as melhores construções possuem cisternas que suportam quatro dias sem abastecimento. Com um racionamento – vá lá – poderia se estender a umas duas semanas de resistência. Ocorre, porém, que o sindicato estava tomado por uma quantidade de pessoas bem acima do normal – o que faria o racionamento ineficaz.

            Se a decisão de não ir a uma embaixada foi realmente do Lula, só posso lamentar porque cometeu o maior erro de sua vida.

            Porém, se ele não teve essa ideia e os outros não a deram por omissão, fico com uma pulga atrás da orelha sobre esses “muy amigos”. Pois até as pedras sabiam que não adiantava mais acreditar nas instituições.

            Com os acontecimentos recentes, como essa tensão na Venezuela, e o desespero dos EUA em frear a influência dos demais membros dos BRICs nas américas, mais o fato de um general nosso ir para um comando americano, chega-se à conclusão de que a prisão de Lula não é apenas uma questão paroquial de nossas elites políticas e econômicas, mas algo maior, geopolítico. Sejumoro é um dos seus mais conhecidos agentes – não é estranho que um juiz de província tenha as costas tão quentes?

          4. Guanabara, não é preciso escrever tanto (apesar de eu concordar com tudo), basta dizer: Lula caducou, está mais burro e vem já há alguns anos errando grotescamente com ele e com o pt.

          5. Precisei me estender para mostrar um exemplo de como as estratégias são falhas; naquela altura do campeonato, eles ainda estavam com cabeça em liminares, caminhão de som, etc, quando era evidente a arapuca de se abrigar num sindicato.

            A cereja do bolo ficou no último parágrafo a respeito de uma coisa que cada vez mais me parece evidente: a geopolítica. Lula e Dilma fomentavam os BRICS.

          6. Guanabara, naqueles dias, foi dito que o Ciro ofereceu retirar o Lula do país via uma embaixada. Se o Ciro ofereceu a saída, deve ter pedido, em troca, apoio à sua candidatura. Foi dito também que Lula não aceitou e resolveu se entregar. Foi inocência do Lula acreditar nas instituições depois que o Batman fez o que fez no Mentirão, mesmo tendo sido nomeado por ele. Lula deve ter imaginado que os tribunais superiores não iriam mantê-lo preso. Faltou estratégia? Será que Lula foi aconselhado a não se indispor com as instituições? Por que Lula não consultou o maior estrategista da esquerda, José Dirceu? Será que mesmo após o golpe Lula continuou achando que os Isteites, através de seus agentes brasileiros, não estavam por trás?
            Lembra da condução coercitiva. Se não fosse o oficial da Aeronáutica, Lula estaria preso desde aquela época.

        1. Isabel, neste momento o PT está profundamente dividido e sinto que sua ala direita vem levando vantagem. Falamos do Haddad, do Tarso, do Wagner, dos governadores, exceto talvez a Fátima Bezerra, etc. E essa ala se iguala ao PSOL, ao Ciro e adjacências. Vivo no meio do chamado povão. As pessoas estão acordando para a tragédia que vivemos embora não consigam transformar isso em consciência política capaz de levar a uma reação nas ruas e nas fábricas. Mas, para tanto, é preciso liderança. Quando vc vê Wagner de Freitas, da CUT, em doces colóquios com Mourão e Haddad jantando com Marcelo Serrado, dá para sentir que não nem aí para o povo enquanto principal fator de resistência

  9. Queima cabaré !

    Queima Tucanhêde !
    Chora Merval ! Chora Noblat !

    Finalmente vocês t~em o governo que merecem !

  10. Deixa, deixa, deixa. Quanto mais bagunça eles fizerem, melhor. Precipita o estado de terra arrasada na qual se pode economizar o sal, porque nada vai vingar no futuro a não ser a certeza daqueles que foram os responsáveis por esta destruição. E aí a fúria, se existir neste povo tão certinho e babaca, poderá ou não eliminar todos eles.

  11. O que esperar de alguem que fez projetos para explodir aquaduto e banheiros miliatres?

    A covardia é a marca que acompanha as manifestações e atitudes deste indigesto..

    Mas 54 milhões de imbecis legitimaram este indigesto.

  12. O problema, na minha opinião, não é (somente) o Bolsoasno, ou seus filhos. O problema é que a eleição foi vencida em virtude de idiotas que ficavam fazendo “arminha” no zap….. O Bolsoasno, é a manifestação concreta de muitos traumas e defeitos de uma parte da população. O racismo (interno), passou a ser tolerado e portanto, passou a ser público. A falta de conhecimento passou a ser comum e até considerada bonita (falava-se de tudo, sem noção de nada). A truculência, passou a ser vista como virtude. A burrice extrema, passou a ser chamada de “simplicidade”. Ou seja, muitos brasileiros escolheram Bolsoasno, porquê ele reunia muitos defeitos dos próprios eleitores, quase um reflexo no espelho. Sem esquecer que parte da população é viúva do Aécio-pó-das-neves e (dizem) que é mais fácil continuar negando do que reconhecer que foram enganados……

  13. Jandir Biroliro se elegeu presidente. Mas o acordão não era ele agir como presidente, como mandatário-mor. Sua utilidade aos trogloditas do estado e aos tecnocratas dos bancos está no papel de “presidente decorativo”, enquanto eles tungam o que resta dos direitos da população. Não que Bolsonaro se importe com a tunga de direitos, mas a fama lhe subiu à cabeça limitada e ele quer domar o dragão que o viabilizou. Que seja devorado, não lamentarei nem um pouco. Mas, morto o poodle histérico e sua prole, segue vivo o dragão. Não nos esqueçamos disso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.