Depoimento de delegados é mais ‘pum de talco’ do palhaço

Do que se sabe até agora do depoimento do ex-diretor geral da Polícia Federal, Maurício Valeixo, sai reforçada a posição de Jair Bolsonaro.

Afinal, dizer que o presidente desejava ter, na Superintendência da Polícia Federal do Rio de Janeiro, alguém com quem tivesse “maior afinidade” não é, por si, um ato criminoso.

Não adianta os comentaristas da Globonews, no seu morismo militante dizer que isso “não é adequado” e que há “um problema semântico” nesta declaração.

Toda a chave do problema está no que Moro e, agora, o delegado não dizem: por que Jair Bolsonaro queria “um homem seu” na PF do Rio?

Não é possível que não saibam, é óbvio, a razão de querer tal “afinidade”.

E se sabem, qual é a razão de não dizerem: não têm provas ou aceitaram acobertar, durante meses, um comportamento presidencial cúmplice de ilícitos e de tentativa de obstruir investigações policiais?

Há um “buraco” nesta história que arruinaria o mais ingênuo romance policial: a falta de motivo para o crime.

Embora, claro, motivos talvez não faltem – e pesados – enquanto não são apontados eles valem apenas para as imaginações férteis.

Aliás, talvez Moro e o delegado –lavajateiros PhD – tenham se acostumado a inquéritos construídos à base de suposições.

Por mais desprezível que seja Jair Bolsonaro não se pode pretender que ele venha a ser acusado de um crime – interferir em investigações policiais – sem que se seja capaz de dizer em quais investigações tentou interferir.

Não dá para fazer como o próprio Moro fez com Lula ao condená-lo por ter supostamente desviado dinheiro de “contratos indeterminados”.

Ou tudo isso é medo de serem apontados como cúmplices das obstruções que Bolsonaro desejava ao conhecimento da verdade?

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

19 respostas

  1. Não vai dar nada esse joguinho do moro e valeixo, ambos deram depoimentos ridículos, fraquíssimos, não fizeram nem cócegas no bozo. Sugiro à imprensa alternativa, ignorar esse assunto, deixa a globonews com esse ridículo papel.

  2. Ele garantiu que entregaria provas pro ÇTF…. Vimos mesmo as provas … igual a bunda dele e igual à acusação falsa contra Lula !!!
    #FORAJUIZLADRÃO !!!

  3. TODOS são cúmplices do Bozo de alguma forma. E Moro, que passou 15 MESES trabalhando com o monstro, não tem como fazer uma série de acusações, sob pena de ficar clara sua cumplicidade. São todos da mesma quadrilha.

  4. DesMOROnou. Não serve pra nada mais. Nem como entulho reciclado, aquele que vai para o britador e ser esfarelado para virar piso de concreto.

  5. Estão batendo em Bolsonaro com luvas de pelica e quando for necessário bater de verdade poderá ser tarde demais. É preciso urgentemente ir para cima da fera, mas o ataque tem que ser forte e consistente.

  6. É só o PGR (que já está se vendendo para a vaga no STF) acusá-lo por denunciação caluniosa, difamação e injuria. Aí ele solta a língua.

  7. Esse moro além de tudo é burro pois esta sendo usado desde 2016 para destruir o PT ( não conseguiu) e também Lula ( n?o conseguiu). Agora criaram um estado de convicções para incriminar o bozo e novamente vão se dar mal. Dessa vez a batata dos lavajateiros destruidores do Brasil vai assar. Retirar o atual governo é essencial para o pais em especial pela catastrofe economica exponencialmente agravada pela covid1 9, mas tem que ser dentro da Lei, sem acertos nebulosos como em 2016 e com provas, não com delações vazias e amadoras quase infantis. Parece que o bozo vai acelerar a destruiç?o da globo. E a defesa de Lula precisa exigir a suspeição urgente do ex jui z.

    1. Os procuradores/policiais deveriam simplesmente perguntar: “O Senhor testemunhou algum crime cometido pelo Bozo? Tem provas? Não? Então reunião terminada.”

  8. Moro saltou do barco ou tarde ( já enlameado com atos ilegais de obstrução de processos) ou cedo ( achava que o barco sem ele afundaria, Mourão assumiria e ele seria o próximo STF) ou terceira hipótese as eleições seriam convocadas e ele participaria como herói incorruptível e sem mácula. Agora está numa encruzilhada. Mourão não é um Temer, traidor, a PF não se rebelou e se apresentar provas foi cúmplice, se não apresentar mentiroso e será destruído ( ou fugirá pros steites). Moro na cadeia…ou fugitivo … Como acabará?

    1. O serviço já foi feito. Engenharia nacional destruída, desemprego, recessão, endividamento crescente (antes mesmo da pandemia). O outrora próspero país virou um pária mundial. O soft power deu lugar ao obscurantismo. Aposto numa fuga pros States, a pátria amada dele.

  9. Para não nos estendermos, vamos apenas por hipótese dizer que esta fala fosse do LULA! Já pensaram como seriam os comentários e atitude de pseudo autoridades?

  10. A única saída seria o Moro fazer uma delação premiado tão ao seu gosto na LavaJato…e aí ele sairia livre, leve e solto para cair nos braços dos morominions…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *