‘Esperem para eu inventar uma história’, diz Wassef

Reproduzo a entrevista do advogado de Jair Bolsonaro, Frederico Wassef, à Globonews, com a ridícula não-explicação sobre a presença de Fabrício Queiroz em sua casa em Atibaia.

É impressionante o cinismo com que se faz um emaranhado inacreditável que pode ser traduzido em “nós estamos articulando uma versão para explicar como estávamos acoitando o Queiroz”.

Quase três dias depois, ainda não conseguiram e tudo o que vai sendo revelado é irrespondível e comprometedor.

Não é preciso muito para entender que há um nó cego ao final deste novelo.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email