Flávio Bolsonaro manda Renan “se foder” e responderá por quebra de decoro.

Do “vagabundo” que usou para definir Renan Calheiros, ao aparecer, nitidamente para fazer provocação, na CPI da Covid, o senador Flávio Bolsonaro escapará, porque o relator da Comissão devolveu-lhe a injúria com o mesmo calibre, chamando-o do mesmo, por conta das “rachadinhas”.

Mas não escapará do “vai se foder” que disparou em seguida, fora do microfone, mas alto o suficiente para ser ouvido por todos (aos 42 segundos do vídeo abaixo)

Se não for acionada a Comissão de Ética do Senado – e provavelmente o próprio Renan o fará – está liberado o mais baixo nível de xingamentos no plenário e nas comissões.

Se Flávio pode mandar um senador “se foder”, os outros podem também.

É absolutamente necessário que o petiz presidencial sofra uma censura pública do Senado, e rápido.

A vilania do bolsonarismo não pode transformar o parlamento brasileiro em porta de botequim, e está fazendo isso.

PS. Em seguida volta para comentar o restante do depoimento de Fábio Wajngarten.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email