Greenwald: “estamos ainda no começo”

No último twitter da série em que anunciou a nova reportagem do The Intercept, que  revela Sérgio Moro “encomendando” uma manifestação da Força Tarefa da Lava Jato para reagir às declarações públicas de Lula – que eles chamam de “festinha” – , o jornalista Glenn Greenwald faz uma advertência que deve estar provocando terror no ex-juiz  e em seu parceiro Deltan Dallagnol:

—Um último ponto: ainda estamos no começo.

Bem, “o começo” já foi o fim jurídico de Sergio Moro como juiz.

Daí em diante, é o fim político o que há pela frente de quem atuou política sem que o pudesse fazer como juiz.

Greenwald tem reiterado isso, embora a imprensa brasileira – ou grande parte dela – tenha continuado focada, até ontem, na suposta origem num hacker das informações veiculadas.

A “linha de defesa” usada não se sustenta e vai, literalmente, ser esmagada pela divulgação dos áudios e vídeos que Greenwald anunciou em entrevista a um site norte-americano.

O jornalista não trabalha com a lógica comum nas redações brasileiras, a de revelar o principal e depois fazê-lo render em “suítes”, que é como chamamos as “continuações” de alguma revelação inpactante.

Ele tem todas as peças do tabuleiro, porque tem a informação que os demais não tem e as dispõe no tempo e na forma que fazem com que os próprios personagens do caso fechem as brechas pelas quais poderiam tentar escapar.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

20 respostas

  1. Nunca tivemos dúvidas do posicionamento parcial desse juizeco que usava a opinião pública para manipular investigações e punir sem provas. Não dá pra ter pena desse cidadão que mandou pra cadeia o maior líder político do país sem nenhuma prova concreta. Então algum advogado precisa pedir o afastamento e a prisão preventiva dele e Dallagnol, já que podem estar destruindo provas da maior farsa judicial brasileira. Os dois conhecem muito bem o que é prisão preventiva e delação premiada.

    1. IMPOSSÍVEL… GENERAL IANQUE EM FARDA DAS FAAs BRASILEIRAS NÃO SONHAM UMA PÁTRIA/NAÇÃO GRANDES!
      SEMPRE E ETERNAMENTE ACADELADOS E SUBMISSOS AOS IANQUES!
      AFUUNDA BRAZZZZIL!
      LULA INOCENTE – LULA LIVRE!

  2. Glenn, como.bom jornalista investigativo que é, está dando uma lição aos jornalistas brasileiros que se auto proclamam investigativos mas na verdade vivem de “vazamentos” seletivos pré fabricados e balões de ensaio produzidos pelos governos. Com raras exceções, os patrões da mídia aqui mataram a reportagem na raiz e, com isso, abortaram a prática investigativa.

  3. Moro continua falando que o que aconteceu foi um “descuido” seu. De descuido para vacilo é tudo a mesma coisa. Ele queria ter cometido o crime perfeito.

    1. O chefe da farsa-jato acabou de publicar que os vazamentos são forjados. Deixemos ele falar mais e aí o Intercep solta os áudios. Kkkkkkk

    2. Coitado do Moro, ele é muito descuidado ! Ele é tão descuidado que condenou o Lula e esqueceu de apresentar a prova !! Olha só que pessoa descuidada !!!

  4. Moro soltou nota dizendo que não reconhece a autenticidade das últimas mensagens publicadas pelo The Intercep. Estou doida para escutar audio divulgado pelo The Intercep com a voz de taquara rachada que ele tem. Ele acha que Gleen é amador. Esquece que o cara tem um prêmio Pulitzer.

  5. Greenwald está seguindo a linha cronológica, em breve o conluio com o TRF-4 na ratificação da farsa do triplex, a inviabilidade da candidatura do LULA no TSE (Barroso e a refundação da república) e finalmente a juizeca copia e cola na farsa do sítio de atibaia. Aguardemos!

  6. Só está divulgando muito devagar. A expectativa por novas revelações, e quem sabe uma bomba atômica, me deixa roendo as unhas. E aquela história do aeroporto? E a coercitiva? E as comemorações pós eleição do fascista? E a facada estranha no bozo? E as combinas com o TRF4, STF, com a máfia miliciana, CIA, Globo, antas agonistas? Eita ansiedade.

  7. Gente, por onde anda Marina Silva e sua defesa da Lava Jato?
    Alguém sabe do paradeiro da fadinha?
    E o coroné Ciro, já fez autocrítica?

  8. Greenwald deveria publicar os autos o mais rapido possivel, para matar essa fala da direita que os dialogos foram forjados.

  9. Tem que divulgar aos poucos, assim o martírio vai aumentando aos poucos, começa doendo pouco e aumentando gradativamente até tomar a decisão mais sensata; fugir ou se fazer valer da lei do armamento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *