Mello Franco e os coices de Bolsonaro

arojust

Bernardo de Mello Franco, em O Globo, descreve o discurso de embrulhar o estômado feito por Jair Bolsonaro no almoço oferecido pela Associação Comercial do Rio de Janeiro, a Firjan.

É um retrato chocante não apenas da selvageria do candidato da extrema direita, mas da decadência da elite empresarial, que prefere se atrelar a algo que não tem a menor sintonia com o mundo moderno, em troca, apenas realizar seus ódios.

Está aí, com certeza, uma das razões do atraso da economia brasileira. Nossos empresários, no tempo da luz de LED, parecem adoradores do Lampião. Não o de querosene; o jagunço, mesmo.

Bolsonaro diz que país sofre
fuga de cérebros. Ele é um sintoma

Bernardo de Mello Franco, em O Globo

“Se eu fosse rei de Roraima, em 20 anos teria a economia próxima à do Japão”. Assim Jair Bolsonaro começou o discurso de ontem na Associação Comercial do Rio de Janeiro. Cerca de 300 empresários pagaram entre R$ 180 e R$ 220 para ouvi-lo. O ingresso dava direito a almoço, com opções de carne, massa e bacalhau.

“Nada pode ser feito lá”, reclamou o deputado, referindo-se à terra que elege Romero Jucá. Ele não explicou a mágica que igualaria o estado de menor PIB do Brasil ao terceiro país mais rico do mundo. No entanto, aproveitou para atacar os alvos de sempre: índios, ambientalistas, quilombolas.

Para Bolsonaro, o problema da Amazônia não é o desmatamento, e sim a proteção da floresta. De olho no voto ruralista, ele prometeu frear a criação de reservas e rebaixar o Ministério do Meio Ambiente, que passaria a ser subordinado à Agricultura. “A questão ambiental dá pra driblar. É ter um ministro que seja patriota”, afirmou.

O capitão acusou a ONU de tramar a criação de “novos países” em território brasileiro. Em seguida, abandonou o tom nacionalista e defendeu parcerias com os Estados Unidos para explorar as riquezas da floresta. “Estive duas vezes com autoridades americanas”, disse. E quem seriam seus interlocutores no governo Trump? “Sem entrar em detalhes”, despistou.

Depois da viagem amazônica, Bolsonaro engrenou o discurso radical que o impulsionou nas pesquisas. Prometeu combater a violência “com mais violência ainda”. Ameaçou reprimir ocupações com “chumbo”. Chamou os sem-terra de “marginais” e “terroristas”. Afirmou que pretende invadir o Ministério da Educação “com um lança-chamas, para tirar tudo que é simpatizante do Paulo Freire de lá”.

O deputado defendeu mudanças na lei para dificultar a punição de policiais acusados de homicídio. “Matar um vagabundo com um tiro ou 20 tem que ser a mesma coisa”, disse. Ele discursava a poucos metros da Candelária, palco da chacina que matou oito crianças e adolescentes em 1993.

Bolsonaro estava acompanhado por Paulo Guedes, seu favorito para o Ministério da Fazenda. Chegou a apresentar o economista como namorado, “heteramente falando” (sic). “Nossos cérebros estão fora do Brasil. Aqui não é um terreno fértil”, comentou. Pela animação da plateia, o capitão deve ter alguma razão.

PS. Por erro do Tijolaço, na abertura do texto, foi citada indevidamente  a Federação das Industrias do Rio de Janeiro, a Firjan. Peço desculpas pelo erro.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

67 respostas

  1. É por tais almoços e jantares oferecidos a uma figurinha como esta que não podemos levar a sério os empresários brasileiros.

    1. Obs.: Jagunço, não obstante as confusões dos dicionaristas, significa indivíduo armado a serviço de um coronel, ou seja, de algum grande senhor de terras. Não pode nem deve ser confundido com cangaceiro, figura que adere a um bando de assaltantes denominado cangaço, e que opta por viver à margem do Estado e de suas instituições, combatendo-as e atacando os que dela fazem parte, principalmente os coronéis.

      1. Bom comentário. O pessoal do sul/sudeste parece não saber do bom conceito que Lampião tem no nordeste. Bessinha, do saite de PHA, embora baiano, também vive a esculhambar Lampião, colocando-o como se fosse josé serra e outros tucanos. Aqui, no nordeste, Lampião tá mais pra Robin Hood do que pra bandido. Sua cidade natal, Serra Talhada, tem muito orgulho dele.

        1. Não esqueça que São Paulo elegeu, Maluf,Covas,Fleury,Alckmim,Doria,Tiririca e contando…..

        2. Tem razão. São Paulo elege tiririca, Serra Alckimin e o amigo do lava farsa jato Dória (aquele que faz faz festa com nosso dinheiro em NY, para dar uma medalha para o parcial de Curitiba Moro

        3. Em São Paulo elegeram o filhote dele e no Sul , bem como no Sudeste, ele possui muitos adoradores.

    2. R$ 180 para comer bacalhau, até que não está tão caro assim. O problema é o “couvert artístico” para um “artista” péssimo.

      A turma da Farsa a Jato já cobra cachê bem mais alto e faz turnê nos EUA. Há gosto para tudo.

    3. ESPANTOSO… SE ESTE CARA ASSUMISSE O BRAZIL KOXINHA, EM UMA SEMANA ESTARIA FEITA A FALÊNCIA!
      AÍ, A GUILHOTINA E AS GRAVATAS FRANCESAS IRIAM CORRER SOLTAS!
      O HOMEM É UM LIXO SÓ!

  2. COM O CURRÍCULO DE BOLSONARO ELE TRANSFORMARIA O JAPÃO EM RORAIMA!

    “Se eu fosse rei de Roraima, em 20 anos teria a economia próxima à do Japão”.

    Bolsonaro em 30 anos de vida pública:
    -ZERO projetos
    -8 anos na fiel base do governo Lula, que hoje tanto critica
    -tentou ser vice de Aécio, que era o chefe do esquema em Furnas, o mesmo que Bolsonaro consta na lista de propina
    -usava verba pública para comer gente
    -usou bate boca com homossexuais, mulheres e negros… para aparecer na modinha conservadora
    -recebeu depósitos da JBS
    -enfiou toda família na vida pública, nunca trabalhou

    1. Planejou atentado a bomba na AMAN e na adutora do Guandu (abastecimento de água do Rio de Janeiro). Aliás, ficou “famosinho” e virou político a partir desse episódio.

    2. O contrário do que o Boçalnazi disse é muito provável. Se ele mandasse no Japão não precisava de 20 anos, em 4 o País do sol nascente estaria com a economia igual à de Roraima.

  3. Então a “solução” para tudo é a guerra. Foi assim que Hitler “sifu” de vez, Bolsonaro.

    1. Porque são delinquentes iguais a ele. Quem será que financiou esse tipo asqueroso em sua vida política se não os empresários reacionários e estúpidos das fiesps e firjans?

      1. que coisa, nem sei o que escrever
        estou em estado de choque

        é tanto absurdo que mais parece coisa do Sensacionalista

        1. O mesmo digo eu. É coisa inacreditável. Também se Trump está dado as cartas no mundo, na república das bananas ficamos com Bolsonaro.

    2. OUTROS DELINQUENTES ORGANIZAM A BACALHOADA!
      OUTROS DELINQUENTES COBRAM OS IMBECIS PRESENTES!
      OUTROS DELINQUENTES APLAUDEM O DELINQUENTE-MOR!
      O MUNDO KOXINHA FASCISTA É ISSO… UMA MÉRKA GERAL!

  4. Os burricos que pastam tranquilos pelo nordeste têm o cérebro mais desenvolvido que esse ser desprezível.

  5. 50 anos de destruição da escola pública brasileira, 50 anos sem filosofia, educação economica, socialização… 50 anos d3 Telecurso Segundo Grau, canal Futura, imbecilização televisiva, fascismo jornalistico, lavagens cerebrais, guerra semiótica incessante… deu MUITO trabalho, mas eis o resultado. Viramos os Retardados do Hemisfério Ocidental.

  6. TACLA DURAN, FIGUEIREDO BASTO, LÚCIO FUNARO & JÚLIO CAMARGO

    Conveniente tráfico e concerto de delações (o silêncio também é ouvido de forma valiosa).

    Sob o beneplácito do Partido do MP e do Código Penal de Curitiba…

  7. E O Rio a Cidade Maravilhosa, que deveria ter aprendido algo com a chacina da Candelária, pariu a BESTA FASCISTA.

  8. Esqueçam o Bolsonaro! Este estáaí apenas para cumprir o papel de coadjuvante da eleição de um candidato da direita no segundo turno! Este candidato pode ser o Ciro!

  9. O nacionalismo do BOLSONARO é regado a AUXILIO MORADIA com APT PRÓPRIO…
    Depois os “vagabundos”são os sem-teto, os sem-terra…

  10. Agora está explicado o porquê dos professores do SESI / SENAI falarem tão mal dos sindicatos. Está explicado também o nível de qualidade dos cursos destas respectivas organizações. Servem para formatar o futuro gado trabalhador. Ou seja, só vai ter emprego quem se sujeitar a ideologia empresarial. E tome ração gado.

  11. Depois da continência à bandeira dos EUA comprovou que pretende levar/manter o Brasil colônia dos americanos do Norte.

  12. O pior é saber que esse ser tens chances reais de chegar a presidência, enquanto Lula está preso e sendo impedido de todas as formas. Chega a dar um frio no coração, honestamente falando.

  13. A maioria dos grandes empresários brasileiros são escravocratas. Por isso, eles ficam exultantes com o discurso do capitão Bolsonaro. Um capitão-do-mato do jeitinho que eles admiram.

  14. O único capitão do exercito que que respeito, é o capitão Carlos Lamarca.

  15. Que coisa: confundir um jagunço desses com lampião, cangaceiro! Eita preconceito doido! É preciso estudar mais, compreender mais sobre o cangaço e seu símbolo maior, para não cair nessa armadilha de confundir o que não deve ser confundido. Lampião foi assassinado pela polícia, que o jagunço bolsonaro tanto fala em proteger mais ainda. A distância entre bolsonaro e lampião é enorme. Só o preconceito é que confunde!

  16. Essa é mais uma prova, entre tantas, de que não é possível conciliação com a elite brasileira. Eles são nazistas.

  17. Deprimente, mas é a cara da elite brasileira: “Aqui não há terreno fertil”. Um eleitor desse cara disse que “tudo que cuidamos não da certo”. É realmente triste.

  18. Num país liderado por pessoas decentes esse indivíduo estaria internado num manicômio.

  19. O Fascismo pede passagem e promete um futuro de trevas ao Brasil: Bolsonaro. Contra a violência, mais violência, pq não?

    1. O Rio gerou o Profeta Gentileza, mas como nada é perfeito, gerou também o “Profeta Grosseria”.

  20. Na verdade eu não consigo levar o que o Bolsonaro diz a sério, caso ele fosse eleito, com certeza, seria uma decepção para os fascistas descerebrados, sentiriam-se todos traídos.
    Perigoso mesmo é o Moro e o resto da corja concursada.
    O Bolsonaro perto desses meganhas concursados é até muito democrata.
    Vejamos, o Bolsa é filiado a um partido político e disputa as eleições. Tudo bem que ele investe na burrice alheia para se eleger, mas é como dizem: nunca perderam dinheiro apostando na burrice alheia.

  21. Bolsonaro calado é um poeta…..se deixar falar 30 minutos o Levy Fidelix passa na frente do asno.

  22. Meu receio é que os americanos mais “progressistas” (Linha ideológica “Bill Maher”, apresentador) falavam exatamente o mesmo que falamos de Bolsonaro com relação ao Trump…

    Lula Livre!

  23. O que será o termo patriota para alguns ?
    Comercializar ou exterminar a vida de semelhantes ?

    Será que os patriotas, assim como os patriotas da antiga Alemanha de Hitler, se apropriarão dos bens de cadáveres ?

  24. Essas eleições, se houver, serão um espetáculo. Só de ver bolsonaro triturado nos debates, já vou me divertir.

  25. Valha-nos Deus e tire essa “Coisa do Mal” da vida política e da vida dos brasileiros… Mande-o em definitivo para “os quinto dos infernos” ou para o “Demônio do Norte”… Tudo num só ser deprimente: perversidade pura aliada a uma alienação em estado avançado…

  26. Sinceramente acho que estamos emburrecendo enquanto sociedade, mas não acredito que os sem cérebros como Bolsonaro sejam a maioria. Por enquanto.

  27. Continuo acreditando que o que permite essas criaturas serem eleitas, são as urnas fraudadas, com a ajuda das pesquisas montadas, mentirosas.

  28. Penso que o cérebro do Bolsonazi é extremamente fértil, já que contém toneladas de esterco. Igualzinho a seus sequazes.

  29. Curiosamente, essa mula sem cabeça acusa de terroristas e bandidos, grupos que lutam por direitos sociais e justiça, como o MST, MTST, Quilombolas, indígenas, mas não fala nada sobre as milícias do Rio de Janeiro, formadas por policiais, bombeiros, ex-policiais, exatamente porque esses grupos é que o apoiam. Então vem a pergunta: quem mesmo é que defende bandidos??

  30. Se essa porra não virar olé olé olá eu chego lá!!! É só o começo rumo ao hexa Brazilzilzil. Como disse um repórter daxCBN: O governo Temer é o melhor que esse país já teve. ( há hora que jornalista canalha começar a apanhar não reclamem )

  31. Os Estados que integram a amazônia brasileira deveriam processar o candidato por dizer abertamente que “a amazônia não pertence ao Brasil”. Essa frase desnacionaliza parte do território brasileiro, dando a entender que sua população pode até ser expulsa e a estrutura administrativa da região cancelada. Não sei se a justiça poderia se antecipar e impedi-lo de dizer uma bobagem dessa. Quanto ao almoço, tem muita gente que não sabe gastar bem o dinheiro que possui.

  32. “Bolsonaro estava acompanhado por Paulo Guedes, seu favorito para o Ministério da Fazenda. Chegou a apresentar o economista como namorado”.( TIJOLAÇO).
    “Estive duas vezes com autoridades americanas”, disse. E quem seriam seus interlocutores no governo Trump? “Sem entrar em detalhes”,
    ” Prometeu combater a violência “com mais violência ainda”. Ameaçou reprimir ocupações com “chumbo”. Chamou os sem-terra de “marginais” e “terroristas”. Reprimir violência com mais violência nenhum especialista em segurança defende um besteira destas.Com certeza não sabe que França e Estados Unidos fizeram Reforma Agrária.
    Agora segundo a IMPRENSA Bolsonaro afirmou esta PÉROLA: ” melhor menos direitos e emprego do que todos os direitos e desemprego””

  33. CAPITÃO BOLSONARO quer ser CAPITÃO AMÉRICA mas ele é o CAPITÃO TRAGÉDIA, CAPITÃO TORTURA, CAPITÃO DO MATO, CAPITÃO LANÇA-CHAMAS

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.