O crime que você vê por aqui

mapaviol1a

Indispensável, para quem quer entender o que se passa – e o que não se passa – no Rio de janeiro, em matéria de Segurança Pública, a reportagem lúcida e detalhada de João Pedro Pitombo e Luiza Franco, na Folha.

Esta lá a cidade partida: rouba-se nas áreas mais ricas e turísticas e mata-se nas regiões periféricas.

mapaviol2Menos, porém, que na maioria das capitais do Brasil, ao ponto de ficar o Rio como a 21ª capital brasileira em número de homicídios por 100 mil habitantes ou, na ordem inversa, a sétima entre as com menos homicídios entre as 27 sedes estaduais ou distritais.

Não está na reportagem, mas ranking seria bem melhor sem as mortes provocadas em ações policiais. Só as “oficiais”, excluindo as execuções, elas foram, entre janeiro e maio do ano passado, 480 das  2.942 mortes por homicídio. Uma em cada oito mortes, portanto.

A percepção do carioca sobre a violência é a dos assaltos de rua, a dos tiroteios e balas perdidas, além das mortes por reação, em geral de quem tem uma arma, a assaltantes.

Nada tem a ver com o “crime organizado”.

Este tem a ver, sim, com os assassinatos, porque as regiões da cidade que ostentam os mais pavorosos índices de homicídio, como marcados no mapa não são territórios, como se diz, apenas das facções do tráfico. São das milícias formadas por policiais, ex-policiais, ex-militares e correlatos, que vivem da exploração das comunidades das quais o Poder Público se esqueceu.

Tudo isso se dá num caldo que tem o medo como ingrediente principal.

Medo que se cozinha no caldeirão dos meios de comunicação, regidos pelo Império Globo.

O povo simples e trabalhador, com prazer, entregaria os nomes, o paradeiro, todos os esquemas da criminalidade que o oprime.

Se tivesse em quem confiar.

Mas não pode confiar em quem o humilha, quem o põe contra a parede, para quem desconfia dele só por ser povo e por ser pobre.

Quando poder estatal criminaliza o pobre, por que o pobre entenderia que o Estado lhe pertence?

 

contrib1

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

15 respostas

  1. “A ideia do rebanho humano me leva a falar da pior excrescência do espírito de rebanho: o militarismo, que eu detesto.

    Se alguém é capaz de marchar em fila com prazer, ao som de uma banda, basta para merecer o meu desprezo.”.

    Albert Einstein

    ????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????

    1. Arnestinha Pederasta Passiva Louca

      Pensei que você tivesse tiradtirado o time de campo.
      Você não se cansa de escrever tanta MERDA ?
      Desista neguinha, seu ramo é outro.
      Cadelinha vadia !
      Vagabunda !

  2. A intervenção aumenta a segurança e isso é positivo, tanto que 85% da população a aprova (e só falta agora alguém dizer que esse 85% são de ricos que querem oprimir os pobres e pretos).

    Quanto aos números apresentados, esses dias o seu Vargas se baseou num dos poucos lugares onde ela não cresceu violentamente para tentar negar que essa foi a norma do país nos últimos anos. Mesmo tendo diminuído muito no estado mais populoso, ela cresceu como um todo e mais ainda nos estados que se diz terem sido mais beneficiados pelas “medidas sociais que diminuíram a desigualdade”. Como essas medidas teriam sido tomadas por mais de uma década (mais de duas se incluirmos o período do PSDB), volta a questão para os que defendem que o crime se combate com esse tipo de política. A diminuição da desigualdade foi fajuta? Ou a sua influência sobre o crime é pequena e as medidas a tomar são outras?

    1. Arnestinha Pederasta Passiva Louca

      Pensei que você tivesse tiradtirado o time de campo.
      Você não se cansa de escrever tanta MERDA ?
      Desista neguinha, seu ramo é outro.
      Cadelinha vadia !
      Vagabunda !

    2. A diminuição da desigualdade foi revertida, e o pouco que se avançou desfeito em menos tempo ainda, com a ação patriocida do Moro e o golpe jurídico-parlamentar de 2015-16

      Já vi (embora não entenda e muito menos respeite) que você é daqueles que defende que a saída para a “crise financeira” (que só é crise mesmo pro povão) é despejar mais alguns milhões na miséria e incerteza de um país que logo não lhes garantirá direito algum. O que para mim é realmente mais surpreendente é que você, bem-nascido, bem alimentado e dotado de tempo o livre de sobra pra colar no site e falar merda, venha reclamar que esses desvalidos então se voltem contra você, da única maneira que lhes resta.

      Viva com medo, seu filhotinho fascisa. É o que você merece. Afinal, você era um dos muitos mentecaptos que aplaudiram, apoiaram e gritaram pedindo o golpe. Veja enquanto a vidinha boa que você construiu nos doze anos de governo petista vai ruindo em benefício dos crápulas que você laudava e saudava como salvadores nacionais.

  3. Resolvido o problema com esta matéria vamos acabar com o militarismo em geral no Brasil. Nossa por que alguém não pensou nisto antes, basta resolver isso muito simples e seremos felizes, honestos, corrupção 0

  4. Vejo os blogs sempre comentando o fato de o número de homicídios no RJ ser menor que em outros estados, mas não é só isso que determina se a segurança pública funciona ou não.

    Foi no RJ e SP que o crime se organizou de tal forma que agora exporta criminosos p/ outros estados. E imagino que nenhum outro estado se aproxima do RJ em atuação de milícias e corrupção dos próprios agentes públicos que deveriam prezar pela segurança pública.

    Não estou defendendo essa intervenção federal. Acho que algo teria que ser feito, há mais tempo inclusive. Depois saberemos se esse caminho escolhido foi o certo ou não.

  5. A CEGUEIRA DE CERTAS PESSOAS CHEGA SER EMBLEMÁTICA, POR MAIS QUE SE MOSTRE FATOS, DOCUMENTOS IMAGENS E TODO TIPO DE VERDADE AINDA VEM ALGUNS QUERER SE DESFAZER DE TUDO ISSO. ERNESTO MEU QUERIDO, É UM DIREITO CIDADÃO E DEMOCRÁTICO EXPRESSAR OPINIÕES, PORÉM, É DESONESTO TENDER E QUERER PASSAR UMA PSEUDO IMAGEM DE NEUTRALIDADE. TENHO ABSOLUTA CERTEZA DE QUE ESSE NÚMERO DE 85% DA POPULAÇÃO É A FAVOR QUE UM MONTE CIDADÃO INCORPORADO COM O SENSO DE CAPITÃO AMÉRICA, RESOLVA UM PROBLEMA SOCIAL CRIADO JUSTAMENTE PELOS MESMOS QUE ORDENARAM SUA PRESENÇA, APONTANDO UM FUZIL NA CARA DE MULHERES E CRIANÇAS NA FRENTE DAS ESCOLAS. VAMOS DEIXAR ESSE ÓDIO IMPLANTADO EM NOS DO LADO E PRESTAR ATENÇÃO NOS FATOS E ENTENDER QUE AQUELAS PESSOAS NÃO TEM CULPA DA PROMISCUIDADE POLÍTICA QUE FOI COLOCADA PRA TODOS OS BRASILEIROS.

    1. Lula ou Qualquer Porra

      Você é uma jumenta tentando ser erudita.
      Pare de escrever tanta MERDA, otária descarada.
      Cadelinha.

  6. Aonde os consumidores ” riquinhos ” estão se abastecendo neste momento ? . Estão livres e liberados para consumir , comprando diretamente do barão do asfalto sem o intermediário do moro . Em caso de prisão do barão é só dizer que é afiliado do PSDB e está solto.

    1. Lula ou Qualquer Porra

      Você é uma jumenta tentando ser erudita.
      Pare de escrever tanta MERDA, otária descarada.
      Cadelinha vadia.

    1. Lula ou Qualquer Porra

      Você é uma jumenta tentando ser erudita.
      Pare de escrever tanta MERDA, otária descarada.
      Cadelinha vadia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.