Os EUA não querem democracia. Querem petróleo.

mini

Não é preciso mais do que o bom e velho raciocínio cartesiano para entender.

Os governos norte-americanos – ora mais, ora menos explicitamente – não se preocupam com a democracia, seja com seus vizinhos de macrocontinente, seja mundo afora.

Do contrário, não apoiariam e armariam a dinastia da Arábia Saudita, aquela que corta cabeças em praça pública e prende garotos que dançam “macarena”.

O caso na Venezuela, hoje, é esse.

Antes, com Hugo Chávez,  poderia ser outro, o de temer a formação de uma liderança continental, um “mau exemplo”  para a “turma do quintal”.

Não com Nicolás Maduro, que governa um país dividido e em dificuldades econômicas, divisões e problemas francamente impulsionados pelos próprios EUA.

O Brasil sempre soube, com Fernando Henrique Cardoso e com Lula, assumir um papel de equilíbrio e moderação porque, desde logo, assumiu papel de protagonista.

Desta vez, virou reboque e Michel Temer tenta sair pela tangente diante da exigência de uma intervenção no país vizinho.

Quem não toma a frente, vai atrás dos outros.

Ainda mais quando seu presidente é uma figura notoriamente desimportante, que dá “graças a  deus” de haver esta crise na Venezuela para que não seja, solene e completamente, ignorada pelo “grande irmão do Norte”.

Isso independe de simpatias ou antipatias ideológicas pelo governo da Venezuela, mas corresponde ao interesse brasileiro de ser um líder do subcontinente sul-americano e não um impensável agente dos negócios petroleiros dos EUA.

Mas é isso a que estamos reduzidos e, depois das jazidas do vizinho, que já estão operativas, levarão as nossas, ainda em potencial.
contrib1

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

23 respostas

  1. Fora de pauta:

    O PC do B sabe que Lula estará recolhido em 2018 e está buscando candidato pra lançar à Presidência da República.

    1. Sabe o que me causa um grande desanimo? O seu voto, no final das contas, vale o mesmo que o meu. (Isso se você já tiver idade para votar) É por isso que eu perdi a fé na democracia. Um voto de um analfabeto político, um voto de um zumbi da globo ou um voto vendido valem tanto quanto um voto de um brasileiro esclarecido. Isto explica o lixo de congresso que temos.

  2. Se a Coréia do Norte tivesse petróleo e Kim Jong Un não criasse problemas para os EUA, estaria “tudo em casa”.

  3. Se você é govenante que abre o teu país a exploração incontida pelas megalomania corporações capitalistas, as custas da pobreza e miséria do teu povo, é claro, poderás oprimir, reprimir, prender, torturar e até matar teus concidadãos da forma queira.

    Você chegará a ser chamado de democrata e estadista pela mídia hegemonica.

    Porém, se fores um governante compromissado com o teu povo e passares a trilhar um caminho autônomo e de soberania, prepare-se para o inferno que descerá sobre teus ombros.

    Serás pressionado a desistir do caminho escolhido. Se não obedeceres, serás alvo de campanha implacável de difamação, prenúncio de invasão militar a teu país, cujos bombardeios humanitários deverão corrigir o rumo, para que a democracia volte a prevalecer.

    Assim é o mundo talhado pelos modernos, civilizados e ardentes defensores da liberdade e da demoradia.

  4. Kennedy Antonio
    “Vc já viu algum comunista , gostar de DEMOCRACIA ?
    Pelo os 13 anos que escapamos vivos , o que notei, é que comunista , gosta muito mesmo é de Petróleo !!!
    Amém , irmãos ??”

    Os capitalistas fazendo de tudo para se assenhorearem das riquezas pertencentes aos povos e o cidadão aí apavorado com os comunistas.

    Alguém aí, acenda uma luz, por favor, para ver se ele se orienta, um pouquinho que seja.

  5. E o esquisitão brasileiro tá fazendo o quê por lá? Dando a palavra de intervir na Venezuela? A constituição brasileira lhe respalda isso? Como usurpador e golpista mais está parecendo um mordomo ou garçom servindo alguma refeição para o Trump.Esse porra do Temer é um velhote sem vergonha.Em casa é o último a saber que a recata e do lar está de tpm.

  6. ora, o cara foi apenas acertar o preço do aluguel das nossas F.A. (forças?) para a aventura na Venezuela.

    algo me diz que os gringos vão entrar em mais uma fria.

      1. O presidente russo, Vladimir Putin, encarregou o governo de aprovar legislação que torne o rublo a principal moeda de câmbio em todos os portos russos no ano que vem

  7. O Cusco Corno é capaz de emprestar a “cadelinha recatada” pro pit bull Gringo dar uma amontada…de tão vira-lata que é !!!

  8. O Iémen, próspero entreposto no tempo de Sabá, mas espoliado em sucessivas colonizações, é atacado há nais que 2 anos por seus vizinhos do norte, a petroleira ditadura dos bilionários Saud. Cidades inteiras sumiram do mapa, sob intenso bombardeio com armas compradas aos Estados Unidos e Inglaterra, e com o cúmplice silêncio da grande imprensa sobre o massacre e da ONU.
    Se há desabastecimento de alimentos na Venezuela é porque, não o governo, mas sua poderosa classe dominante, a burguesia, dona do mercado lá, age como o governo Temer aqui, apenas a favor da tradicional oligarquia cleptocrata. Por sorte da maioria da população venezuelana, o não-democrata governo chinês e o neo-democrata Putin já firmaram recentes acordos de trocas comerciais justas, que imediatamente befeciarão tanto venezuelanos, como também de jovens soldados, do Brasil, Colômbia, ou de qualquer lugar, que não mais arriscarão suas vidas em vão. A premissa da soberania e auto-determinação dos povos, o respeito à vida, quase sempre é esquecida pela tradição “democrata” de fazer a guera, e em nome da democracia, connquistar a ferro e fogo, vide Palestina/Israel, Iraque, Líbia, Vietnã, e até o Iémen, sem petróleo, mas estratégico na geopolítica. Abaixo o golpe!

  9. É verdade que o Temer iria ganhar uma propina de R$ 500 mil por semana durante vinte anos, da JBS?????

  10. Há poucos dias atrás Temer pedia para Trump “apertar” a Venezuela. Apertar, no caso, só com intervenção, pois a Venezuela é um país autônomo. Agora, lá nos “esteites”, ele diz que é consenso a não intervenção. Ô sujeitinho para mudar de ideia. Aliás, ele nunca teve ideia nenhuma sobre nada. É um anão político.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *