Rejeição a Bolsonaro sobe, mas “turma do ódio” segue firme

Irrelevante na variação da taxa de avaliação como “ótimo ou bom” (34% em março, 35% em abril), a nova pesquisa Ibope sobre o desempenho de Jair Bolsonaro à frente do governo dá outros sinais de deterioração de seu acolhimento público, já sentido em pesquisas anteriores.

O índide de vavaliações “ruim-péssimo” sobre 3 pontos (24% em março, 27% em abril).

A expectativa de que este governo chegue ao final como ótimo ou bom passou de 63% (em janeiro) para 60% (em fevereiro), baixou a  54%em março e, agora, é de 45%.

Baixará mais, é certo, porque este governo não oferece qualquer perspectiva para o país.

Mas é, também, evidente que a “parcela do ódio” segue com seu núcleo firme e forte, para desgraça da vida social no Brasil.

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

13 respostas

  1. A humanidade está realmente passando por um período abominável.
    Não é só a ignorância, é a própria maldade, é o egoismo, é a falta de empatia, é o espírito de competição e de domínio sobre o próximo, em lugar da solidariedade.e da fraternidade.
    Estou perdendo a esperança de que as coisas melhorem a curto ou médio prazo.
    Acho que enquanto a desgraça total, em forma de guerra ou coisa pior, não se abater sobre o mundo, o rumo não vai mudar.

  2. Tenho aversão a todas as religiões, mas pelo que o cristianismo diz os bolsomínions poderiam pregar o ódio e a violência à vontade, mas, em compensação, terão um lugar garantido no fogo do inferno, caso exista mesmo a tal “justiça divina”.

  3. A pesquisa ao mesmo tempo que me deixa feliz me deixa triste. Feliz por ver que algumas pessoas começaram a perceber o que realmente é esse governo mas triste por ver que a turma do ódio segue firme. Aqui no meu estado o Rio Grande do Sul infelizmente mesmo sofrendo as consequências terríveis desse governo a maioria das pessoas seguem apoiando o presidente e o seu discurso de ódio.

    1. Na minha opinião uma parte da população ainda não está sentindo na pele a recessão….Por enquanto as águas da recessão invadiram apenas os porões dos pobres da classe economica….Entretanto, como em todo processo de afundamento, as águas implacavelmente vão começar a atingir as cabines da classe média (é só uma questão de tempo…). Agora, tem gente que só vai perceber que o navio está deslizando para o fundo, no último minuto (até lá vai continuar acreditando no governo e na mídia).

  4. Enquanto o Lula não sair da cadeia estamos condenados ao fracasso! O problema central continua sendo o presidente Lula !

  5. O ódio se propaga com muita facilidade! Fazer o bem é coisa de “comunista”. Estamos numa onda de fascismo no mundo!

  6. PESSOAL, PRESTEM ATENÇÃO NOS SEGUINTES DETALHES:ESTA PESQUISA FOI FEITA PARA “QUEBRAR O GALHO” DO BOLSANARO, OU MELHOR, AJUDAR A REFORMA NA PREVIDÊNCIA QUE É O QUE A GLOBO, O MERCADO E A CHAMADA CASA GRANDE QUEREM E O DETALHE MAIS IMPORTANTE, A PESQUISA É FALSA E MANIPULADA, A FACISTÃO NÃO TEM 35% DE ÓTIMO OU BOM DE JEITO NENHUM. SE TIVER UM POUCO MAIS QUE 25% DE ÓTIMO OU BOM É MILAGRE E O PÉSSIMO E RUÍM JA PASSOU DOS 30% FAZ TEMPO. SE QUISEREM CONFIRMAR O QUE EU ESCREVO AQUI É SÓ PERGUNTAR PARA O MESTRE MARCOS COIMBRA…

  7. Os números de Bolsonaro são a comprovação do nível de imbecilização do povo brasileiro. Um doente mental que faz vergonha no mundo inteiro, que só tem projetos que fo… o povo, que briga com todo mundo, que não fez NADA de útil, ter este índice de aprovação é a ótica cabal de que o brasileiro caiu de quatro e tá difícil de levantar. O capim está gostoso.

  8. Eu diria que deste um terço da população que ainda apoia este desgoverno, grande parte, maioria mesmo, sofreu lavagem cerebral das “sanguessugas universais”. Outra parte, bem menor, é bandida mesmo, é fascista, capitalista, exploradora e quer o extermínio de pobres e idosos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.