Temer vai retomando seu lugar de ‘direito’: o de chefe do “centrão”

Flávio Rocha, o “the famous who” das Lojas Riachuelo “deu no pé” da brincadeira de ser candidato, não sem antes agradecer “o apoio dos intrépidos garotos do MBL”, dos coleguinhas Kim Kataguiri e Fernando Holiday, agora reduzidos  ao tamanho que jamais deveriam ter excedido.

Provavelmente serão preciosos segundos a mais de televisão para Geraldo Alckmin, que farão a alegria dos dirigentes do PRB, especialmente do seu presidente, Marcos Pereira, ministro do Governo Temer até janeiro deste ano.

É parte da ofensiva governista para a improvável união do “centrão” ao candidato tucano, embora o estagnado Geraldo Alckmin não ajude a se consolidar naturalmente este caminho.

Não importa, desde que Temer assuma o papel de articulador desta “união dos desesperados”, ao “Geraldo” se enquadra ou se defenestra.

Carlos Marun fez hoje a sua parte, ameaçando com a “perda dos cargos” aos governistas que andam bordejando a candidatura Ciro Gomes, especialmente o PP e o DEM. Disse que “não queremos candidatos que surjam no palanque para dizer que reforma trabalhista foi um crime” e que não estavam cobrando apoio a Henrique Meirelles, admitindo que Alckmin “é outro tipo de candidato” e que Jair Bolsonaro, ” pelo menos “votou a favor do impeachment (da então presidente Dilma Rousseff) e … não nos chamou de golpistas”.

Não apenas isso,claro: Paulo Guedes, guru do candidato a presidente que diz que não precisa entender de economia, aproveitou para acenar com a manutenção da equipe econômica de Temer, sobretudo do presidente do Banco Central, Ilan Goldfajn.

Depois que ter chamado Michel Temer de “bandido” e “quadrilheiro” não se imagina que seja fácil a Ciro manter o flerte com setores do temerismo sem fazer o que já está prejudicando sua candidatura no campo popular, fugir de um posicionamento claro em relação a Lula. Corre o risco de ter dado muito e receber muito pouco.

O golpismo, por mais que o pretenda dissimular, tem a cara de Temer.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

17 respostas

  1. Sinceramente? Ciro quer mais que qualquer “quadrilheiro” f.o*#@-$&… na verdade o minimo que se espera que aconteça com quem apoiou o golpe é um processo penal – e nem precisa ser estilo DOI-CODI, como esse que os proprios quadrilheiros estão usando contra Lula.

      1. Meirelles tá ganhando de Manuela e Boulos juntos… sem falar em Alckmin e Bolsonaro… ou seja, não vai ter esquerda na presidência… Ciro já viu isso e está tentando a centro esquerda…

        Ciro não pode salvar Lula. O povo vai salvar Lula? Como salvou Getúlio, JFK e Jango? Todos perseguidos e mortos por defender o povo, e o povo nem entende o que acontece, vestem idéias dos outros, gastam zero minutos analisando discurso dos candidatos e votam na “aura” estética que o rim lhes interpreta.

        Eleitor Lula-ou-nada é na prática eleitor de Bolsonaro.

  2. Eu ainda quero saber quem é mais prostituta para querer apoio do centrão golpista. Ciro ou Alckmin???

  3. Será que a Riachuelo está vendendo menos? Que pena hein!
    Deixe-me pensar qual opinião sobre o tema…

    RCHL, MBL?? FODAM-SE!

    Obs.: Excelente charge!

  4. Só tres coisas me atormenta:

    Por que o PT insiste com esse negócio de defender Lula nos Tribunais;
    Por que o PT deixou Lula entrar na Cadeia;
    Por que ningém nesse Brasil convoca o povo á rua.

    Olavo

    1. Há muitos golpistas nos tribunais e a única forma de alcança-los é caçando-os lá.
      Eles se escondem atrás das togas, tem q ir até os tribunais e arrasta-los até os palanques para q sejam atingidos
      atingido. Não pode delosixa-los apitar nos tribunais sozinhos.

    2. 15 de agosto, todos juntos em Brasília-DF, junto ao TSE, para registrar a candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva!

      “dia 15 de agosto, data prevista para o registro da candidatura de Lula à Presidência da República, a mobilização vai “lotar Brasília”. “Vai ser uma candidatura registrada por milhares de pessoas…”

      http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2018/07/vagner-freitas-candidatura-de-lula-vai-ser-registrada-por-milhares-de-pessoas

    3. Arlindo, o povo, povão mesmo, vive oprimido pela polícia (tapa na cara a toda hora), ou pela milicia ou por traficantes.
      O silêncio é uma questão de sobrevivência. Mas entre eles a conversa já é Lula Presidente. Não é a toa que já se pode falar em vitória no primeiro turno.
      Mas você tem razão. O povo deve ser chamado às ruas e isso ainda esta muito tímido.

  5. Ministra Carmem Procrastinadora Lúcifer quer aumento para os membros advogados públicos

    Vejam só (abaixo) quem atua às escondidas por aumento aos membros do judiciário e do ministério público. Eu defendo rejuste a servidores mais humildes de áreas sociais, jamais a membros advogados que já ganham auxílio-moradia inconstitucional acima do teto. Já a Dona Carmem mentiu. Disse que era contra reajuste, mas enviou essa nota a favor para o Congresso. Sempre a favor de seus pares engomadinhos…

    Em ofício ao Congresso, STF pediu que proibição ao reajuste saísse da LDO… – Veja mais em https://economia.uol.com.br/noticias/estadao-conteudo/2018/07/13/em-oficio-ao-congresso-stf-pediu-que-proibicao-ao-reajuste-saisse-da-ldo.htm?cmpid=copiaecola

  6. E quando falo que o povo deve ir às ruas, digo que todo cidadão deve se unir tenha ele a ideologia que tiver, porque todos estamos perdendo com o Golpe à Democracia que foi dado. Só nos resta reclamar contra toda especie de violencia que vem sendo praticada pelos detentores do Poder, mesmo de forma inviesada.Mesmo esses Procuradores da PGR e os Juízes parecem não se dar conta de que não vai sobrar nada no final, inclusive para eles. Esse negócio de Comunismo não existe mais, usar isso como desculpa de modo a impedir que o povo tenha direito às riquezas do País é balela dos espertalhões.O País é grande e rico e caberia dividir a riqueza para todos.

  7. 10 e 15 de Agosto

    “…a manutenção de Lula na prisão mobilizou os trabalhadores “para agosto ser um mês de luta”. “Essa palhaçada que aconteceu no domingo só coloca mais água no nosso moinho pra fazer o Dia Nacional do Basta dia 10 agosto com mais força ainda, para parar o Brasil, os trabalhadores se manifestando contra a carestia, contra o desemprego e por Lula livre.””

    “dia 15 de agosto, data prevista para o registro da candidatura de Lula à Presidência da República, a mobilização vai “lotar Brasília”. “Vai ser uma candidatura registrada por milhares de pessoas…”

    http://www.redebrasilatual.com.br/politica/2018/07/vagner-freitas-candidatura-de-lula-vai-ser-registrada-por-milhares-de-pessoas
    ????
    https://youtu.be/KFwa5M5pRpA

  8. A maior vergonha do Brasil para o mundo e ver o Aécio Neves solto! Não existe nada extranho com esse judiciário que isso! Esse cara enganou toda elite podre ! Os coxinhas, touxinhas, paneleiros! Esse cara e mais mafioso do que o Cunha!

  9. Se for eleitos um deste anões políticos, o será contando com o decisivo e único voto dos onze senhores do stf que desprezam 60 milhões de votos que querem o enorme é imbatível LULA na presidência. Sabe-se, é LULA e a restauração da democracia ou a destruição da democracia e o empurrão do país ladeira abaixo. Cabe ao stf um ou outro.
    Seria a suprema destruição do país.
    O stf, que tanta desgraça já causou, faria a desgraça maior e definitiva.

  10. A maioria (todos) da canalha da direita inveja Lula pelo simples fato de que um peão ter se tornado presidente da república.
    Para isso fazem questão de ignorar que Lula fundou o maior e mais organizado partido político do país. Fundou a maior central sindical e ajudou a fundar o maior movimento popular pela reforma agrária. Manteve alianças com as ceb’s e todas as igrejas. Fez caravanas pelo país. Participou de todas as eleições desde a constituição de 1988.
    Que “doutor” tem cacife igual?
    E vem um bundinha igual a esse executivo da Riachuelo se “achar”?
    Junta ele, Moro, Bolsonaro e demais aventureiros e venham disputar no voto.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.