A velocidade da onda Haddad no eleitorado de Lula

Antes de tudo, peço licença para dar prioridade aos fatos sobre as impressões e destacar dados da pesquisa Datafolha que são essenciais para compreender o quadro eleitoral e deixar para comentar depois  a passagem de Fernando Haddad pela sessão de grosseria e arrogância do Jornal Nacional.

Há quatro dias, logo após a divulgação da pesquisa anterior, destaquei que A onda (Hadadd) vem do “fundo do povo”, cuidando de verificar aquilo que todos diziam, e com razão, que a chave essencial do processo eleitoral era o volume e a velocidade de transferência dos votos de Lula.

Ela está ocorrendo, está se acelerando e ainda conta com um terreno enorme para se expandir nas áreas onde o ex-presidente tinha a preferência maciça do eleitor, como você pode ver nos gráficos deste post, todos retirados do site da Folha de S. Paulo.

Lá em cima, os dados sobre aqueles que representam 43% do eleitorado: os brasileiros que ganham até dois salários mínimos. Entre os nossos irmãos mais desvalidos, o crescimento das intenções de voto de Haddad teve o ritmo devastador de 1,5% ao dia durante os últimos quatro dias, até ontem. No ponto inicial do gráfico, Lula tinha,entre eleitores, 49% das preferências, o que faz que se possa dizer que Haddad ainda não chegou sequer à metade do que teria apenas com os votos lulistas.

E o exemplo o caso do eleitorado nordestino, onde Lula arrastava também a metade dos votos, mostra que essa identidade está sendo rapidamente alcançada: lá, a transferência ocorre a uma velocidade ainda mais expressiva: mais de 2% do eleitorado ao dia. É esta a causado murchamento de Marina Silva e de não se sustentar o crescimento de Ciro Gomes, registrado logo após o impedimento de Lula.

 

Como é natural, essa transferência ocorre com menos facilidade entre os de menor grau de instrução, em geral pessoas mais isoladas de outras fontes de informação que não a massacrante TV aberta, onde até terça-feira nem os programas eleitorais podiam ser claros sobre a indicação de Haddad. Veja abaixo que, também entre eles, a transferência está ocorrendo, agora, à impressionante taxa de 1,5% dos eleitores por dia.

Essa é a pressão que vem de baixo e tende a influenciar as outras camadas da sociedade. E, que se perceba até agora, se reflete num prognóstico de 2° turno entre o candidato fascista e Haddad.

O resto, e a pesquisa mostra isso, cresce, na expressão dos gaúchos, como “cola de cavalo”: para baixo.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

18 respostas

    1. Vamos votar em massa no treze que é para não ficar perdendo tempo com nome. Vai que a pessoa perde o papelziinho anotado. É treze pra não perder os votos. de Ponta ponta. Basta votar no 13

  1. E melhor que levar em 1º turno é fazer uma maioria progressista no Congresso, nas Assembleias e governos estaduais que possam construir um cordão da legalidade e da democracia. É preciso isolar o golpismo.

    1. Melhor do que tudo isso será subir a rampa. Porque os milicos e seus patrões banqueiros estão preparando qualquer coisa pra melar o meio de campo democrático.

      1. Não vai acontecer nada. Estes Golpistas ficarão ai arrotando valentia (Miolo de pote) Mas, já o Haddad cortará o papo destes Borra botas.

  2. O Alkimin tá com a bunda pregada com super bond no (chão) , A Marina das pererecas verdes com aquela sua doenceira (Bronquite, asma, ifluxo etc e etc) antigamente tinha um remédio chamado Rhum Creosotado ou senão um tal de Phymatosam (com Ph mesmo) . Será que ainda acha pra comprar? Tinha um tal de Bromil etc e etc. Convém a das Pererecas ai se cuidar, ainda mais agora com este tempo seco. Dizem que Sebo de Carneiro com café quente é bom pra asma. O Ciro tá assanhado e dana a falação no PT! Ciro deixa disto, vai dá pra você. E o Bolsomerda??? Este pelo visto não sairá do Hospital (tão cedo). O Vice dele, o General de pijama l (Borra botas) rosnou , rosnou mas nada!!!
    E o Haddd e a Emanuele (Eita gente bonita) dá gosto , estão subindo que nem um foguete.

      1. Essa Marina das Pererecas verdes tá saudosa dos tempos do Aécin do pó , (aquele do beija mão) Aposto que o Aecin deve ter lavado a boca com Q boa muito tempo. Falando de maleita , esta ai não aguenta fazer um discurso de dois minutos dá uma canseira (asma da braba) na bicha e ela tem que sentar.

  3. A GLOBO É O ÓDIO ! LULA É INOCENTE ! HADDAD/MANUELA “13”, COM A FORÇA DO POVO ! A população já está sendo esclarecida que Rodrigo Maia seria o sonho de consumo da Globo, agora desesperada, sem Maia e com sua chapa Alckmin/Ana Amélia destruída. O desespero da Globo é a subida acelerada de HADDAD/MANUELA e a “fixação” da direita por Jair Bolsonaro. Agora, mais que nunca é a hora dos eleitores de LULA/HADDAD/MANUELA desmascararmos a Globo, a ‘Mãe do GOLPE”, a Globo “sonega” e é patrona dos grandes sonegadores, que é investigada pela INTERPOL, que esteve envolvida em contrabando segundo o Ditador João Batista Figueiredo, a Globo que manipulou, manipula e que nas eleições de 2016, induziu ao erro, o eleitor brasileiro, principalmente em São Paulo. Não vamos nos calar, vamos gritar ao Brasil, nas ruas, nos supermercados, nos postos de gasolina, nos shoppings, A GLOBO É O ÓDIO ! LULA É INOCENTE !

  4. A Globo não perde por esperar, o povo brasileiro vai “dar um banho de loja” nesse Congresso Brasileiro, vamos mudar a cara de nossos representantes, vamos eleger deputados e senadores que tenham a cara do povo brasileiro, chega de “botox”, basta de apenas homens brancos, corruptos, machistas, homofóbicos, é hora de elegermos quem nos defendam à todos e não quem serve apenas às suas famílias. A HORA É AGORA, COM HADDAD/MANUELA E LULA “13”. É LULA, É HADDAD, É O POVO,…PARA O BRASIL SER FELIZ DE NOVO !

  5. Para a Globo & cia. e o mercado espoliador, a entrevista não conseguiu queimar Haddad. Não é fácil, mas Haddad mostrou a que veio; sua competência é evidente, não deixou pedra sobre pedra das atiradas pela dupla de, como diria, entrevistadores de perguntas com entendimento acusatório já inserido, nada sobre quais os planos de governo do candidato, sua visão da economia e dos acontecimentos. Uma verdadeira inquirição, onde ardia a vaidade de ambos, o Wiliam Bonner velho conhecido de todos, sempre numa posição pavoneada, com sua costumeira falta de educação ao perguntar, claro quando se trata de alguém que possa contrariar os interesses da Globo, como é o caso de Haddad nessa eleição, na qual é candidato de oposição à Presidência da República pelo PT, e mais ainda, quando interrompe o infeliz candidato que está inquirindo, bloqueando as respostas ou atrapalhando o desenvolvimento das mesmas, no óbvio objetivo de dificultar e diminuir o desempenho e a avaliação que se possa fazer. Sua coadjuvante, Renata Vasconcellos, nova na bancada com essa função de inquirir, mostra uma agressividade, que faz coro com o Bonner, o pavão, mais parecendo um capota choca (nada de misoginia). A verdade é que, apesar de tudo, Haddad sem dúvidas foi um show à parte, que fugiu das covardes armadilhas criadas, respondendo tudo e reclamando com elegância da falta de modos da dupla, com segurança, conseguindo apesar das dificuldades impostas pelos inquiridores, dar algum recado do que pretende com seu Governo. Tem luz própria, sem dúvidas, irradiou confiança. É de se esperar, que serão iniciadas ações na Justiça (?) e no Ministério Público (?), ou para afastar Haddad do páreo, ou impedir a realização das eleições para presidente. As pesquisas muito favoráveis ao Haddad podem apaziguar as coisas, amansar os mais exaltados, ensejar uma avaliação realista da falta de apoio para um movimento mais ousado para aprofundar o golpe-impeachment de 2016. É possível que agora, com os desastres das ações dos golpistas, do governo que apoiaram que prometia resolver os problemas do país, para os quais em menos de dois anos se mostraram incompetentes, com o golpe completamente nu em todas as praças do país, identificados todos os responsáveis, iniciando pela Globo & cia, sem discurso e audiência. Não quer dizer que não ousem outra vez, aprofundando o sofrimento do povo para o golpe continuar permitindo que o grande capital (estrangeiro e sócios no Brasil) continuem ganhando, impunemente sem reações mais fortes a essa rapina.

  6. Ganhar no segundo turno também é bom, mas queremos ganhar é no primeiro turno com uma vitória avassaladora contra esta turma de políticos corruptos e este Supreminho de m….Vamos lá Haddad!!
    Emanuele: não se esqueça que antes de mudar pro jaburu (expulsando) aquelas cobras peçonhentas que lá residiram, você mande desratizar e mande desinfetar aquilo lá Só reforma não vale. Peça ao Jackes Wagner da Bahia pra mandar uns três Pais de santo pra benzer aquilo lá.
    Mizifio, mizifio!

  7. O único candidato que ainda falta cooptar é o Ciro, que insiste em sua auto-imolação em praça pública. Ao menos aqui no Rio, todo – eu disse todo – o eleitorado do PSOL já aderiu a Haddad. Nos lulaços, os militantes do PSOL estão cada vez em maior número. Um fator que está acelerando esse processo é a campanha Lindbergh-Chico Alencar, à revelia das direções de ambos os partidos. Isso é política em estado puro, sem amarras! HADDAD-MANUELA! 13 13 13 13 13 13 13 13 13 13 13 13 13.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *