Alguém explique à Folha que não há “meia coragem”

Ontem à noite, quando a Folha publicou seu duro editorial contra as atitudes de ““chefe de bando” do senhor Jair Bolsonaro, este “rodado” blogueiro aqui já pressentia que a valentia era assunto para a página 2:

Veremos se a Folha, como é seu dever, colocará seu texto em primeira página, porque não é uma notícia qualquer.

Não colocou e, com isso, deu traços de e”normalidade” ao que é absurdamente anormal.

Não é apenas por se tratar de um ataque a uma repórter do jornal.

Nem mesmo de um ataque à dignidade das mulheres.

Ou um atropelo ao trabalho da imprensa.

É porque reduz o país a uma pocilga, onde o presidente da República refocila sobre a dignidade alheia.

Ou será que os boatos de demissão de Paulo Guedes (trato no próximo post) ajudaram a varrer para baixo do tapete a coragem do jornal?

Um liberal que tolera o fascismo, ao fascismo serve.

É, no máximo, um poodle entre dobermanns.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on email
Email

30 respostas

  1. A Folha, bem como o resto da imprensa “profissional”, tem lado e não é o lado do povo. Por isso prestaram-se ao trabalho asqueroso de espalhar durante a campanha que bolson… e Fernando Haddad eram equivalentes, por isso esconderam todos os podres que já tinham conhecimento sobre bolso… Mentiram descaradamente para enganar seus leitores. A imprensa “profissional” é inimiga do Brasil e a tal jornalista está colhendo aquilo que seus próprios patrões plantaram.

    1. Tem lado, e não é o lado do povo, nem da Democracia, nem do Estado de Direito.
      É o lado da plutocracia. Mundial.

  2. Mas , há meias vantagens em ser assim , ser contra ao mesmo tempo a favor . Para quem já emprestou seus carros para ditadura , está no DNA da folha , somando se agora que não é só jornalismo o grupo é um complexo econômico financeiro , ninguém os convencionará de coisa alguma . Tudo se resume no financeiro .

  3. Ontem mesmo eu afirmei: a folha reagirá à ofensa gravíssima a sua jornalista com uma manchete contra o ….LULA.
    Vejam a capa de hoje e verifiquem que eu, infelizmente, estava certo.
    Uma declaração sem sentido do advogado de detesa(?) do bolsonaro e a “informação” que o LULA poderá ser chamado a cpi da fakenews.
    Como são canalhas!
    Canalhas!!!!!

  4. Mas não foi só a folha que se acovardou ao seu bolsonaro, o resto dos jornalões também desconversaram.
    Covardes, canalhas e, tenho que aventar, comprados!!!!!

  5. Não adianta, a mídia não vai bater de frente com o monstro, porque é seu ALIADO. Foi o trabalho da mídia que o colocou lá e tudo que ele faz na economia é exatamente o que a mídia quer. Então as atrocidades que ele comete serão apenas objeto de MIMIMIs pontuais.

  6. “Espanta ainda acreditarem nesse jornal e na mídia porcorativa.” (Naldo)
    Mídia porcorativa é a nova (e genial!) definição da pocilga nacional, desde a concepção do PIG, pelo insubstituível Paulo Henrique Amorim. O porco fascista, de Roger Waters, voou pelos ceus do Brasil em 2018, sob uivos e latidos dos cães de guarda da plutocracia.
    A natureza do Cartel da Mídia é suína, não resta dúvida.

  7. Guedes não é um liberal que tolera o fascismo. Pinochetista desde que este assaltou o poder no Chile, é um fascista que abraça o liberalismo econômico.
    O fascismo é uma necessidade para a elite financeiro-especulativa e para o latifúndio imporem sua agenda econômica.
    Não há contradições entre o fascismo e esta gente, Uns são fascistas convictos, outros precisam do fascismo e o abraçam ainda que façam trejeitos a insinuar que a contragosto (neste time entram folha e globo).

  8. Por isto que não me dou o trabalho de ir defender um(a) repórter deste jornaleco, se eles não se dão respeito porque eu que irei defende-los? Não, antes torço para que nesta briga não sobreviva um.

  9. Que se danem esses golpistas FDP. Hoje numa padadria onde estava uma TV sintonizada na famigerada globo((vício, preguiça física e mental ou imbecilidade mesmo desse pessoal que não sabe para que serve o controle remoto?), deu ânsia de vômito ver a mírian porcão defendendo a “nossa frágil democracia”. Cretinos e hipócritas, são eles os grandes responsáveis pelas merdas maiores que estão acontecendo no Brasil.

  10. Espanta ainda acreditarem nesse jornal e na mídia porcorativa……já provaram e re–aprovaram ser vilões, não mocinhos…….. estão do lado da galerinha do mal, fingem ser imparciais por vergonha e marketing…….resumo, são o verme do cocô do bandido…… imprestáveis.

  11. Fernando, ontem vi o presidente da ABI revoltadíssimo com Bozo.
    Mas o grande problema que vejo é que a ABERT dorme na cama com Bozo.
    Durante o processo de golpe contra Dilma e da perseguição e prisão de Lula a quantidade de ódio que estas “instituições” pregaram pelo interior do Brasil afora foi impressionante e revoltante.
    A replicação de meias verdades, inverdades, enfim desinformação contra o PT foi tsunamica!
    Se olharmos quem são os donos destas rádios e TVs pelo interior do país vemos que são o que existe de mais reacionário.
    Concessões que foram obtidas por favorecimentos e jogadas políticas que se arrastam por décadas.
    Acompanho com especial atenção estas instituições e já deu para ver que eles JÁ estão em campanha pró-Moro.
    E, vc sabe, eles chegam em todas as camadas da população, especialmente os menos favorecidos.
    Se não colocar uma lupa nesse ativismo descarado levado à cabo pelas milhares de entidades que se agregam na mídia regional e depois na ABERT, a esquerda vai sofrer, de novo, as consequências dessas ações de difamação contínua e seletiva que já vimos no que deu.
    A aniquilação do PT nas eleições municipais de 2016 e para presidência e Congresso em 2018 são frutos dessa propaganda ilegal.
    Ser de esquerda no interior da região sul, por exemplo, é um ato de heroísmo.

  12. Enquanto a quadrilha do Posto Ipiranga estiver entregando tudo que os escravocratas e entreguistas querem, Bolsonaro pode fazer e dizer o que quiser. A hipocrisia desses boçais golpistas é de fazer qualquer um que tenha um pingo de moral e vergonha na cara VOMITAR.

  13. Tudo farinha do mesmo saco e todos comem no mesmo coxo. Essa mídia não se dá ao respeito e se quiser ganhar um pouco de respeitabilidade precisa assumir uma posição clara contra o governo federal que já lhe declarou guerra aberta. Isso somente comprova que esses editoriais panos quentes são para dar satisfação a alguns incautos, desde que a publicidade do governo continue chegando, mesmo a conta gotas. Vale para jornais, revistas, rádios e TV’s. Não sobra nenhum hoje.

  14. Mas cá entre nós, a criatura abraçou seus criadores em frente ao espelho e segue dizendo, dia após dia: “Vejam como somos idênticos”.

    E não são?

  15. ———Um liberal que tolera o fascismo, ao fascismo serve.———
    A história da América Latina mostra claramente que toda vez que foram aplicadas políticas económicas liberais,SEMPRE o fizeram por meio do fascismo político
    Os liberais económicos ,são em sua maioría fascistas em política ,conservadores nos costumes.Desprezam o Estado,mas,se valem dele sempre que encontram dificuldades e dele se servem para enriquecer. Simples CANALHAS.
    Um liberal puro é um anarquista ,e eles acabaram no início do século pasado.
    Sobre a folha ,ela só serve para limpar o …châo.

  16. Em mãos de quem estão os meios de comunicação de massas??? por que insistimos com a ingenuidade, de imaginarlos comprometidos com algo,além de seus privilégios de casta ????
    Enquanto as massas não tiverem atitude crítica perante ao que lhes é informado ,eles continuarão a ter o poder de manipular a vontade.
    Cidadãos criticos,questionadores,que apliquem a lógica em sua análise,são difíceis de domar,isso é ao que eles temem e foi esse um dos pecados maiores dos pts em 13 anos .Eles não tentaram quebrar essa fábrica de zumbis, que é a educação pública brasileira.

  17. As qualidades de Bolsonaro eram profundamente conhecidas em 2018. Ele foi eleito com apoio explícito e envergonhado de alguns, e por conveniência eleitoral de outros. Da mesma forma que não há “meia coragem”, também não há “meia responsabilidade” por quem deveria ter colocado os interesses do Brasil acima dos mesquinhos interesses partidários. Agora, todos nós sofremos as consequências

  18. A Folha sendo a Folha, um jornal de manipulação da informação (exatamente igual ao “jornalismo” da Rede Esgoto de Televisão), dirigido por gente covarde e sem caráter. Merecem tudo o que está acontecendo, e muito mais.

  19. Luis Felipe Miguel

    “Folha faz hoje um editorial “forte” contra o presidente cuja eleição ela tanto apoiou.

    Fiel à mitografia que criou para si mesma, coloca-se como pura representante da intrépida imprensa que desafia todos os poderes. A frase que abre o texto é: “Ao completar 99 anos de fundação, esta Folha está mais uma vez sob ataque de um presidente da República”.

    Há apenas um trecho que, com enorme esforço e boa vontade, pode ser lido como esboço de início de tentativa de sugestão de envergonhada autocrítica: “Frustraram-se, faz tempo, as expectativas de que a elevação do deputado à suprema magistratura pudesse emprestar-lhe os hábitos para o bom exercício do cargo”. Estaria a Folha entre aqueles que esperavam uma miraculosa transformação de Bolsonaro e colheram frustração?

    Nem isso, na verdade. Vazado no tom altissonante e cafona que, não sei bem por quê, é padrão nos editoriais da grande imprensa brasileira, o texto prefere exaltar a Folha por integrar “o aparato que evita a penetração do veneno do despotismo no organismo institucional”.

    A Folha, que deu sua contribuição para cada passo no processo de destruição da democracia e dos direitos no Brasil nos últimos anos – honrando, aliás, seu passado, já que fez o mesmo durante a ditadura de 1964.

    A Folha, que age incansavelmente para bloquear o debate sobre o papel do Estado e sobre os direitos da classe trabalhadora, a fim de viabilizar o maior retrocesso de nossa história para a maioria da população.

    A Folha, que apesar das escaramuças com Bolsonaro, não recua um milímetro do apoio à política destrutiva de Guedes, fazendo o que for necessário, inclusive – e sobretudo – manipular a informação. Basta ver, aliás, a cobertura sobre a greve dos petroleiros.

    No trecho mais brega de todo o editorial, é dito que Bolsonaro tenta “desafiar o rochedo do Estado democrático de Direito”, mas “não tem conseguido conspurcar a fortaleza”.

    Que rochedo? Que fortaleza?

    O Estado democrático de Direito no Brasil hoje mal é um pedregulho.

    Graças, também, à Folha – entre muitos outros. A Folha que endossou a campanha sórdida contra Dilma, o PT e a esquerda em geral, a Folha que cevou o golpe, a Folha que incentivou a conspiração contra a democracia chamada Lava Jato, a Folha que ignorou a violação de garantias básicas sempre que lhe interessava, a Folha que fez o que pôde para naturalizar o fascismo como opção política.”

  20. Ontem eu também falei: amanhã mesmo a folha e o restante da imprensa grande estarão bajulando o sujeito.

  21. imagino se fosse o lula o que a midia do brasil interio estaria fazendo? era so noticia a cada minutos bando fdp

  22. gente paulo guedes ja sabem que vai estourar a bomba do adriano alem de que as reformas foi por agua abaixo, nada de geração de emprego, então a saide do guedes vai ser dosada, gradativamente até que o povo acostume, e depois o governo vai dizer bem o gudes e que disse que ia =gerar emprego mais pulou fora

  23. Os principais jornais deste país não se interessam pelos absurdos diários falados por esse presidente Matérias de capa e destaque em telejornais nos tempos de Dilma eram para criticar o “Estocar o vento” ou quando a “meta for atingida, a gente dobra a meta”. Para nossos grandes jornalistas intelectuais isso era agressão. Agora o que sai do esgoto da boca do cara que elegeram, é apenas a espontaneidade de um homem rústico. Haverá o dia que esse homem rústico arrastará uma jornalista pelos cabelos, como no tempo dos homens das cavernas, e esses mesmos intelectuais rirão. Bons tempo.

  24. Bozo, é o idiota/palhaço útil à direita para desviar as atenções, dos problemas principais. Enquanto ele representar bem o seu papel, e ele tem muito jeito, não deixará de ser apoiado. Infelizmente o povo brasileiro, habituado a ver novelas há mais de 40/50 anos, continua pensando, que o que se está a passar é uma novela, que + dia – dia vai acabar, só que desta vez as consequências para ele vão ser reais e extremamente gravosas. BRASILEIRO ACORDA, isto não é uma novela, têm-te roubado inúmeros direitos, que foram conquistados por teus avós e teus pais, e direitos, não se ganham são conquistados com suor, lágrimas, e sobretudo muito SANGUE, SE JULGAS QUE VAI SER FÁCIL VOLTAR A CONQUISTÁ-LOS, estás completamente enganado, demorou dezenas de anos e alguns centenas, e tu perdes-los, em menos de 2 anos. É espantoso, como os jovens se desfazem, dos seus direitos, conquistados pelos seus antepassados, com uma facilidade espantosa, é certo que não lhes custaram a ganhar, mas é preciso ser muito idiota, para aceitar sem luta esta situação. Quando chorarem sobre o leite derramado, será tarde. Vamos regredir + de um século.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *